21.4.12

Agora a disputa é na bola! "O torcedor com certeza fará a diferença" afirma o técnico Carrasco


Sem tapetão, Mixto e Cuiabá iniciam neste domingo disputa pela segunda e última vaga à decisão do Estadual
Mixto e Cuiabá prometem briga acirrada pela última vaga à final do Campeonato Mato-grossense deste ano; o vencedor deste confronto irá encarar o time do Luverdense. 
Agora a disputa é nas quatro linhas. Após travar briga no Tribunal de Justiça Desportiva (TJD), Mixto e Cuiabá abrem neste domingo um novo duelo desta vez pela segunda e última vaga à final do Campeonato Mato-grossense - o Luverdense é o primeiro finalista. O jogo, marcado para as 15h, no Dutrinha, é o terceiro entre os dois times neste ano. Na soma dos dois encontros anteriores, o Alvinegro da Vargas leva a melhor com uma vitória, a que quebrou a longa invencibilidade do atual campeão estadual, e o empate sem gols pela última rodada da fase classificatória.

O recurso protocolado pelo Cuiabá na semana passada acabou acirrando ainda mais a rivalidade entre os dois clubes. Na condição de ‘vítima’ na acusação de ter escalado o meia Jean Carlos de forma irregular em algumas partidas e inocentado pelo TJD, o time treinado por Wilson Carrasco garante estar motivado ainda mais para superar o seu rival, que leva a vantagem de jogar por dois resultados iguais por ter realizado a melhor campanha na primeira fase.

Time quase completo
Para a partida, Carrasco não poderá contar com o polivalente Kal, que cumpre automática por ter sido expulso no último jogo justamente contra o próprio Cuiabá. Na sua vaga aparece Julian, que volta de suspensão. Em outros setores a formação será quase a mesma. A única dúvida do treinador é quem será o parceiro de Paulinho Marília no ataque. Edson Di e Furlan brigam pela vaga.

Recuperado de lesão que o tirou de vários jogos, Furlan leva vantagem por ser um dos xodós da torcida alvinegra, que promete lotar o Dutrinha para empurrar a equipe rumo a vitória. Inclusive, Wilson Carrasco espera que o torcedor seja o 12º jogador do Alvinegro nas duas partidas.

A nossa torcida terá um papel fundamental nestes dois jogos contra o Cuiabá. Ela irá nos apoiar como nos incentivou durante toda a primeira fase. O torcedor com certeza fará a diferença”, disse o técnico, que chegou a afirmar que o Cuiabá seria o ‘adversário ideal’ nesta semifinal por ter um número bem menor de torcedores em relação ao Mixto, considerado clube de maior torcida em Mato Grosso.

Fonte: Luiz Esmael/Jornal A Gazeta - Foto: Marcus Vaillant/A Gazeta
21/04/2012

2 comentários :

joao paulo on 21 de abril de 2012 16:14 disse...

SÓ COLOCARIA O TAL DO HILTON MINEIRO NO LUGAR DE JACSON CASO ELE NÃO RENDER, TOMARÁ A DEUS QUE O JACKON DEMONSTRE PQ ELE ESTÁ NO MIXTO

Rodrigão disse...

VAMOS JOGAR COM GARRA, MIXTÃO.
UM POR TODOS E TODOS POR UM.

Postar um comentário

Atenção: comentários anônimos não serão aceitos. Identifique-se!