Cuiabá apela para o jogo sujo e tenta tirar pontos do Mixto alegando irregularidade


Hélio Machado: "Parece que estão com medo do Mixto". Cuiabá alega irregularidade, Mixto nega


O Cuiabá Esporte Clube protocolou no final da tarde desta sexta-feira no Tribunal de Justiça da FMF um protesto pedindo a punição do Mixto com a perda de 6 pontos. O Dourado alega que o meio-campista Jean Carlos (foto) jogou com três cartões amarelos no empate da última quarta-feira, no Dutra. O Alvinegro nega “qualquer irregularidade” e diz que “devem estar confundindo, porque temos dois Jean Carlos no time”.

As duas equipes tem novo confronto marcado para domingo, abrindo a semifinal do Campeonato Mato-grossense. “Ele (Jean Carlos) já vinha jogando com três amarelos há algumas rodadas, estamos pedindo que a irregularidade seja punida”, explicou Cristiano Dresch, vice-presidente do Cuiabá.

Irregularidade não existe
Hélio Machado, presidente do Mixto, garantiu no início da noite que “não existe nenhuma irregularidade”. Para ele, o Cuiabá “pode ter confundido nossos dois Jean Carlos”:

"Temos o Jean Carlos meio-campo, com dois amarelos, e o Jeanzinho (lateral) com um. Acabamos de checar tudo com o levantamento que temos e que nos foi passado pela Adiadna (Cardoso, funcionária da Federação). O Mixto está completamente legal".

Finalizando, ironizou a atitude do Cuiabá:

"Parece que estão com medo do Mixto, e ainda querem ajudar o pessoal de Rondonópolis".

Se o Mixto estivesse irregular e fosse punido, cairia de 29 para 23 pontos e perderia a vaga para o União, que terminou a primeira fase como 5º colocado.

Fonte: Craques do Rádio - Sebastião Castilho/Rádio Clube de Rondonópolis - Edição Mixtonet
Foto: Foto: Chico Ferreira/A Gazeta
13/04/2012