9.4.12

OUTRA VEZ: MIXTO EMPATA A 5ª SEGUIDA, 1 A 1 COM O BARRA DO GARÇAS


Pelo Mato-grossense de Futebol 2011, o Mixto enfrentou o Barra do Garças neste domingo (08/04) no estádio Zeca Costa e somente empatou em 1 a 1. É o quinto empate seguido do Tigre, que chegou a 28 pontos e praticamente garantiu vaga na semifinal do estadual. O Barra alcançou 14 pontos e o empate deixou o time do Araguaia muito perto da segunda divisão.

1º tempo
Na primeira etapa de jogo o Barra do Garças foi levemente superior, o Mixto não consegui criar e pouco perigo levou ao gol adversário.

O ataque do Barra do Garças chegou 10 vezes na pequena área do Mixto, enquanto que o alvinegro só chegou em cinco oportunidades ao gol adversário.

O Barra quase abriu o placar com Admilson, mas o goleiro Perereca salvou. Logo em seguida o Mixto respondeu, em uma das poucas oportunidades de gol Itamar cruzou pela esquerda e Paulinho Marília cabeceou, mas o goleiro Dida fez bela defesa. 

Quem abriu o placar foi o time da casa. No cruzamento de Coelho, a bola chegou aos pés de Adinil, que bem posicionado, chutou e balançou a rede aos 34 minutos de bola rolando.

O primeiro tempo terminou com o Barra na frente do placar e um Mixto perdido em campo.

2º tempo
No segundo tempo, o Mixto voltou mais ofensivo para resgatar o placar perdido. Os 45 minutos restantes foram marcados pela volta a campo de Furlan e Alemão. O primeiro jogador ficou nove jogos sem vestir a camisa do alvinegro porque estava se recuperando de uma lesão. Já o segundo, que estava no banco do alvinegro, foi um dos destaques da partida.

O Mixto estava disposto a reagir. Em cobrança de falta pela esquerda Ricardinho quase marcou, mas a bola foi para fora. Logo em seguida Edson Di quase quase marcou mas não alcançou a bola vindo de mais um cruzamento aéreo.


Alemão, autor do gol mixtense
O Tigre era melhor e chegou ao empate com gol marcado pelo Alemão. Aos 27 minutos, Furlan cruzou pela direita e Alemão aproveitou a bobeira da zaga do Barra e marcou com facilidade.

O Mixto quase virou o placar em várias oportunidades, em uma delas Kal acertou um belo chute que explodiu na trave. Furlan também quase marcou, finalizou na grande área mas o goleiro pegou.

Este é o quarto jogo pelo Mato-grossense que o Barra começa vencendo uma partida, mas cede o placar para o time adversário em casa.

Ficha técnica:


Barra do Garças F.C. 1 X 1 Mixto Esporte Clube
- 18ª rodada do Campeonato Mato-grossense 2012
Local: Estádio Zeca Costa, em Barra do Garças
Horas: às 15:00
Árbitro: Edilson Ramos da Mata
Escalação:

Mixto: Heverton Perereca; Ricardinho, Kal, Evandro e Itamar (Thiago Furlan); Kiko, Jean Carlos, Wanderson (Andrezinho) e Hilton Mineiro (Alemão); Paulinho Marília e Edson Di. 

Fonte: Mixtonet - Globoesporte.com/mt
09/04/2012

2 comentários :

Paulo Pereira disse...

Infelizmente por culpa da diretoria e incompetência da comissão técnica, não classificamos na frente do Vila. Passamos o sequndo inteiro adiando a nossa classificação, por medo de querer vencer, foi assim em Roo contra o Vila, em cbá contra o LEC e União, em Campo Verde contra o CRAC e ontem contra o Barra.Na reta final o Vila e LEC cresceram de produção e merecem o lugar onde estão.No ano que vem vai ser mais difícil, pois teremos o Operário que também vai brigar por uma vaga na série D. Ao Mixto resta uma lição: PROFISSIONALIZAÇÃO esse é o caminho.

Dilson disse...

No gol do Barra, a bola passou por quatro homens de defesa, ou seja, mais um gol bobo que a zaga do Mixto leva por desatenção. Isto de um time frágil e limitado que é o Barra, que consegue fazer gol com base na raça. Fosse a defesa mais consistente e seriam uns sete gols contra a menos e mais uma vitória. Se a defesa é frágil tecnicamente, pelo menos tem que jogar com mais raça e se colocar com mais vontade em campo. Quem pode assistir jogo é só nós na geral e na arquibancada.
Furlan mostrou que não pode ficar no banco, e mesmo jogando pela direita, aparentemente deslocado, está criando o que o meio de campo deveria fazer.
Ricardinho é número 2? Se sim, mostrou que faz quase todos os passes errados, principalmente os de média distância, de 10 metros ou 20 metros. lançamento, então, não rola mesmo.
Eder Belém que tem jogado bem, inclusive fazendo gol, em geral cria mais, avança mais. Tem que jogar nesse time.
O gol de Alemão mostra que quando o time joga em conjunto, tudo acontece.
Sobre a suposta discussão de Carrasco com o treinador de goleiros, parece que o técnico é tipo "paizão" com os jogadores, fala baixo, de uma educação imensa, mas tem hora que de fato precisa pegar mais pesado com os jogadores, até pra ver se joga melhor sob pressão.

O segundo tempo o Mixto resolveu jogar.

Postar um comentário

Atenção: comentários anônimos não serão aceitos. Identifique-se!