17.5.12

Mixto Master fará amistosos com o Bonsucesso, Santo Antônio e AABB


Mixto sai em busca de equipes para amistosos. Clube quer testar time antes da estreia contra Azulão

A chuva que caiu em Cuiabá por dois dias consecutivos fez com que o jogo amistoso entre Mixto e seleção da Associação Atlética Banco do Brasil (AABB) fosse cancelado. Agora, a diretoria alvinegra já está à procura de adversários para testar a base do time que têm estreia marcada para o próximo dia 3 de junho diante do rival Dom Bosco.

Mixto enfrenta o Dom Bosco na estreia, dia 3 de junho
Diretor responsável pela categoria master do Alvinegro da Vargas, Gilmar Ferreira, deve anunciar hoje jogos contra as seleções da comunidade de Bonsucesso, em Várzea Grande, Santo Antônio de Leverger e a própria AABB, que pode ser o último rival antes do primeiro jogo válido pela competição.

O dirigente reconhece à necessidade do grupo fazer amistosos para ganhar entrosamento e ritmo de jogo. 

Estamos à procura de adversários. Fizemos alguns contatos, mas estamos no aguardo das respostas” , disse Ferreira, destacando a dificuldade em arranjar equipes masters para os jogos-treinos.

Sem a badalação em torno de nomes como os de Viola e Paulinho Kobayashi, que participaram da campanha do vice-campeonato do ano passado, a atual diretoria têm opensamento de montar uma equipe competitiva, mas com menos medalhões do futebol nacional.

Gilmar Ferreira pretende anunciar no dia de hoje mais dois reforços. Um deles seria um jogador que até ano passado chegou a atuar profissionalmente por clube da Primeira Divisão do futebol mato-grossense.

É um jogador que está em plena forma física. Está dentro da idade para disputar a Copa Gazeta de Futebol Master. Vejo que sua chegada irá qualificar ainda mais o nosso elenco para o torneio deste ano”, afirmou Ferreira, mantendo o sigilo a ‘sete chaves’.

Outro reforço que pode ser anunciado no dia de hoje vem de fora. Como de praxe, o nome do mais novo contratado é guardado em segredo. Segundo diretoria mixtense, o mistério se dá em função do leilão que às vezes é promovido pelo próprio jogador ou pelos clubes que querem melar a negociação do rival.

Fonte: Luiz Esmael/Jornal A Gazeta

17/05/2012

0 comentários :

Postar um comentário

Atenção: comentários anônimos não serão aceitos. Identifique-se!