4.8.12

MIXTO JOGA HOJE CONTRA O SANTOS-AP. TÉCNICO DIZ QUE TIGRE BUSCARÁ A VITÓRIA


Alvinegro da Vargas encara o Peixe da Amazônia esta tarde pelo Brasileirão da Série D
Mixto busca a segunda vitória no Campeonato Brasileiro da Série D ao encarar Santos do Amapá esta tarde no estádio Glicério Marques (Foto: João Vieira)
Vice-líder da Chave A2 do Campeonato Brasileiro da Série D com quatro pontos ganhos, o Mixto busca a segunda vitória no torneio de acesso ao enfrentar o Santos do Amapá hoje à tarde, às 15h (horário de MT), no estádio Glicério Marques, em Macapá. Vindo de empate de 1 a 1 com o Araguaína (TO) em casa há uma semana, a equipe alvinegra precisa dos três pontos para encostar no líder Sampaio Corrêa com nove pontos e se distanciar do próprio Araguaína, que soma três e esta noite recebe o time maranhense em seu estádio.
Zagueiro Yuri faz estreia no Tigre

Como deixou de somar dois pontos com o empate na semana passada, o técnico Éverton Goiano ressalta à necessidade de vencer para recuperar a pontuação perdida dentro do Dutrinha.

Agora temos que vencer porque deixamos escapar dois pontos dentro da nossa casa. Sabemos a dificuldade que iremos encontrar lá em Macapá, mas temos que jogar para somar os três pontos”, afirmou Goiano, ressaltando que o Santos é penúltimo colocado do grupo com apenas um ponto.

A partida de hoje marca a estreia do volante Paulo Almeida com a camisa do Mixto. Contratado para ser o líder do time em campo, Almeida, campeão brasileiro pelo Santos em 2002, já se encontra na sua melhor forma física e técnica e entra na equipe para dar maior proteção ao sistema defensivo. Além dele, o zagueiro Yuri também faz seu primeiro jogodesde sua contratação há 15 dias.

Preocupado em não expor a defesa aos contra-ataques do Santos, Goiano decidiu sacar o meia Robinho para a entrada de Paulo Almeida e tirou Cris, até então titular absoluto, para dar chance a Yuri. A saída de Cris se dá em função da falha no lance do gol do Araguaína. O zagueiro, além de ter escorregado, errou a bola, deixando o atacante adversário sozinho para marcar.

Com a saída de um homem de armação, no caso Robinho, o atacante Igor está com incumbência de fazer a ligação entre o meio campo ao ataque. Na frente, Furlan terá a liberdade de se movimentar para os dois lados de campo e Nonato fica como referência dentro da área.

Na cabeça de área, Cléber e Kiko vão jogar um pouco mais a frente de Paulo Almeida, municiando os alas Julian pela esquerda e Ley pela direita. A preocupação de Éverton Goiano é com as subidas dos dois laterais, que ficaram sem cobertura no jogo diante do Araguaína.

Descuidamos muito no jogo passado, deixando a defesa exposta. Os alas foram ao ataque, mas não tiveram a cobertura dos nossos volantes. Como o Paulo Almeida é o mais experiente, ele ficará mais a frente da defesa para preencher o espaço vazio”, assinalou o treinador mixtense.

Por ter trabalhado há muito tempo no Rio Branco do Acre, Éverton Goiano conhece muito bem o Santos. Segundo ele, a equipe possui jogadores de qualidade como o volante Soares, o meia Américo e o atacante Max Jarí. Ele já comandou os três e sabe do risco em deixá-los sem marcação.

O jogo desta tarde fecha o turno da primeira fase da Série D para o Mixto. Com uma vitória e um empate, o Alvinegro da Vargas busca a vitória para iniciar o returno na segunda colocação, já que mesmo que vença o jogo de hoje, dificilmente alcançará o líder Sampaio Corrêa, que lidera o grupo com folga com nove pontos somados na tabela de classificação.

Pelos cálculos da comissão técnica mixtense, uma vitória esta tarde em Macapá deixará a equipe em ótimas condições de assegurar uma das duas vagas à segunda fase da Quarta Divisão do Nacional. O otimismo se dá em função de outros concorrentes pela classificação dentro da chave não estarem bem na disputa. São os casos do próprio Santos e do Comercial de Piauí. Ambos somam um ponto na tabela de classificação.

O provável time do Mixto para o compromisso desta tarde no estádio Glicério Marques, em Macapá, é Rodrigão; Ley, Yuri, Odail Júnior e Julian; Cléber, Kiko, Paulo Almeida e Igor; Nonato e Furlan.

Fonte: Luiz Esmael / Jornal A Gazeta
04/08/2012

0 comentários :

Postar um comentário

Atenção: comentários anônimos não serão aceitos. Identifique-se!