27.8.12

VEC: PROVÁVEL ADVERSÁRIO DO MIXTO NAS OITAVAS ANUNCIA DESISTÊNCIA


Se desistência for confirmada, Mixto enfrenta o Remo nas oitavas de final da Série D

Presidente Carlos Dalanhol e Éder Taques
Por falta de recursos financeiros, o presidente do Vilhena-RO, Carlos Dalanhol, anunciou a intenção de desistir do Campeonato Brasileiro da Série D mesmo depois de garantir a classificação às oitavas de final, conquista inédita para o futebol rondoniense.

"Vamos cumprir a tabela. Vou fazer um ofício e entregar nas mãos do próprio presidente da Federação, tentar não ser punido e vamos sair fora, não tem mais condição", lamenta Dalanhol, que destacou um prejuízo de pelo menos R$ 10 mil a cada partida realizada.

Apesar do esforço do mandatário, os recursos disponibilizados pelo governo do estado se tornam ineficientes. Ao contrário do Amazonas, por exemplo, onde o Penarol-AM recebeu R$ 1 milhão através de uma parceria do governo estadual com duas grandes empresas multinacionais.


Exemplo do descaso com o futebol do estado é a maca utilizada na partida deste domingo, na goleada de 4 a 0 para cima do Penarol, que garantiu a classificação antecipada ao VEC. O único instrumento de trabalho se quebrou durante a tentativa de retirar o atacante Cabixi, que precisou deixar o campo mancando para ser atendido.

Mesmo com todas as dificuldades, o Vilhena poderá deixar a competição de cabeça em pé. Em sete jogos, foram cinco vitórias e duas derrotas, garantindo a classificação antecipada. 


Nesta quarta-feira, às 20h30, o time cumpre tabela contra o Remo, que ainda precisa de pelo menos um empate para avançar.

Para concretizar a desistência, o Vilhena enviará um ofício à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) através da Federação Rondoniense de Futebol (FRF). Nos próximos dias a entidade nacional enviará uma resposta oficial confirmando a desistência. Como esse anuncio não deverá sair antes da última rodada, o adversário do Vilhena na segunda fase pode avançar por W.O.


Fonte: Agência Futebol Interior

27/08/2012

2 comentários :

Odeney on 27 de agosto de 2012 20:54 disse...

Sem comentarios as palavras do Presidente do Vilhena sobre prejuizos, já está entregando a toalha por falta de recursos, no Mixto o Presidente já fala em entregar o time para um grupo de italianos, portugueses e um pais asiatico. Estamos indo para a falencia também?

Odilor disse...

É a triste realidade do futebol brasileiro cujos dirigentes são têm olhos para os grandes centros. O afunilamento e a dificuldade para os clubes do interior chegarem à série A, proporcionou a partir da décadade 80,a decadência de muitas equipes em todo o Brasil.

Postar um comentário

Atenção: comentários anônimos não serão aceitos. Identifique-se!