16.10.12

Hélio Machado fala sobre a expectativa de quitar os salários ainda essa semana


A semana do Alvinegro da Vargas foi aberta com o compromisso da diretoria em quitar ainda esta semana pelo menos uma das três folhas em atraso. O presidente do clube Hélio Machado afirmou assim que entrar dinheiro de patrocinadores e a Justiça desbloquear as contas bancárias fará o pagamento do salário dos atletas, que descartam nova paralisação.

Estamos no aguardo que algum repasse seja feito nos próximos dias para quitarmos a dívida com o elenco. Não há prazo para que esse dinheiro entre. O trabalho é no sentido de conseguirmos o mais rápido possível, já que os atletas precisam quitar seus compromissos também. Dinheiro temos a receber, mas falta o pessoal nos pagar”, disse Machado, destacando que ainda aguarda uma verba a ser repassada por parte do governo do Estado.

Sem receber há três meses, o elenco chegou a ficar sem trabalhar em protesto aos constantes atrasos. Mas houve consenso para que os atletas entrassem em campo para enfrentar o Cacerense - o time venceu e assegurou uma vaga à semifinal do torneio seletivo com uma rodada de antecedência do
término da primeira fase da competição.

Ao retomar os trabalhos, os jogadores decidiram dar um trégua à diretoria sob comando de Hélio Machado. Os profissionais foram unânimes em voltar a trabalhar normalmente visando o jogo diante do Poconé e em consequente o início da fase semifinal da Copa Mato Grosso. Classificado à fase decisiva,
o Mixto cumprirá apenas tabela na quarta-feira.


Poconé x Mixto

O técnico Éverton Goiano sinaliza em mandar a campo uma formação bastante diferente em relação aos três primeiros jogos. Ele quer aproveitar a tranquilidade da partida para observar alguns jogadores que não tiveram chance de sair jogando.

Mesmo sinalizando para fazer algumas experiências, Goiano já determinou que o goleiroHéverton Perereca, zagueiro Hugo e o atacante Nonato são ‘intocáveis’. Apesar de terem mais de 23 anos, eles são considerados peças importantes no esquema adotado conforme o regulamento da Copa Mato Grosso, que permite a escalação de apenas cinco jogadores acima dos 23 anos para atuar em cada partida.

Fonte: Luiz Esmael / Jornal A Gazeta - Foto: Chico Ferreira
16/10/2012

0 comentários :

Postar um comentário

Atenção: comentários anônimos não serão aceitos. Identifique-se!