2.10.12

Hélio visitou o governo do Estado para cobrar repasses atrasados e quer pagamentos em dia


Presidente do Mixto esteve ontem no Palácio Paiaguás para falar sobre acordo financeiro firmado entre o clube e o governo do Estado
Presidente Hélio Machado continua tentando solução para a vida financeira do Alvinegro
(Foto: Joab Barbalho/Folha do Estado)
Ontem (01), a noite foi de negociações e reivindicações para o presidente do Mixto EC, Hélio Machado, que esteve em reunião na sede do Palácio Paiaguás, em Cuiabá, com representantes do governo do Estado. A pauta da discussão foi a respeito do patrocínio que ainda falta ser repassado aos times de Mato Grosso.

Hélio Machado confirmou o acerto com o técnico Everton Goiano, mas disse que ele pediu que os salários estejam rigorosamente em dia. “Não podemos exigir resultados dos jogadores com o pagamento em atraso, como Everton disse, os atletas não rendem (o esperado) quando não têm o dinheiro na conta”, ponderou o presidente do Alvinegro. 

Mas conforme Machado, todas as medidas estão sendo tomadas para que isso não aconteça novamente. “Não queremos entrar o ano de 2013 com mais dívidas. Esperamos uma solução por parte do governo, mas se não vier, com certeza arrumaremos uma saída”, disse Hélio Machado.

Segundo o dirigente, a folha de pagamento do time terá uma redução drástica. “Cairá de R$ 162 mil para no máximo R$ 90 mil. Acertando nossa folha, podemos seguir em frente sem mais dificuldades”, finalizou o presidente.

Na quinta-feira, o governo repassou ao clube R$ 50 mil, mas ainda restam aproximadamente R$ 40 mil para quitação das dívidas atuais.

Fonte: Ulisses Lalio / Jornal Folha do Estado
02/10/2012

0 comentários :

Postar um comentário

Atenção: comentários anônimos não serão aceitos. Identifique-se!