29.12.12

Heverton Perereca: "Espero voltar um dia". Hélio Machado: "Houve uma quebra de confiança"


Após a decisão da diretoria do Mixto de dispensar o goleiro Heverton Perereca, o atleta declarou ao repórter Robson Boamorte, do site Globo Esporte, que espera voltar a jogar um dia pelo Mixto. Disse que torce para que o clube se organize e espera receber os salários atrasados.

"Saio tranquilo. Fizemos uma temporada boa com todas as dificuldades que tivemos. Espero voltar um dia e que o Mixto possa se organizar para que confusões como essa não aconteçam. Só quero que me paguem o que devem. Não quero criar uma situação ruim no clube. É uma pena, mas preciso pensar no meu futuro. Tenho família para sustentar. Vou analisar as propostas do Mato Grosso e União e ver o que será melhor" afirmou Perereca.

Por outro lado, o presidente Hélio Machado disse que o clima ficou insustentável após a discussão que ambos protagonizaram. Machado elogiou a qualidade do atleta, lembrou de quando trouxe o goleiro para o Tigre e culpou os bloqueios de verbas e atraso nos repasses prometidos pelo governo como motivo do atraso salarial.

"Eu que trouxe o Perereca para o Mixto. Houve uma quebra de confiança. Tivemos uma discussão pesada e não posso perder o comando do grupo. Ele é um grande goleiro, gostaria que isso não tivesse ocorrido, mas infelizmente já aconteceu. Eu sempre atendi todos os seus pedidos de aumentos salariais até pelo seu bom desempenho em campo. Seu ciclo no Mixto chegou ao fim. Se o dinheiro do patrocinador não ficasse retido na justiça e o montante do Governo do Estado fosse pago no prazo isso não estaria acontecendo" finalizou Machado em declaração ao Globo Esporte.

Texto: Mixtonet
29/12/2012

0 comentários :

Postar um comentário

Atenção: comentários anônimos não serão aceitos. Identifique-se!