28.2.13

Opinião: "Helio Machado assume o papel de "rainha do Mixto". Antero faz duras críticas a Eder Moraes e Hélio Machado


Por Antero Paes de Barros

Escrevo hoje um artigo sobre os destinos do Mixto. Eder Moraes, depois de se transformar em secretário problema para os governadores Blairo e Silval, depois de destruir a candidatura de Lúdio Cabral, resolve mandar no Mixto, com a conivência do presidente Hélio Machado, que abdicou do exercício do cargo, para se transformar em uma verdadeira rainha no clube mais querido de Mato Grosso.

Com Eder, o Mixto precisa ser investigado, para ver se a instituição não vai, ou já está transformada em estrutura para lavagem de capitais.

O artigo mostra a indignidade de Hélio Machado, com um dos seus principais colaboradores, o ex-treinador Eduardo Henrique, já substituído no comando do clube por Claudio Adão, atendendo ordens de Eder Moraes.

Hélio Machado desonra as tradições do Mixto. Desrespeita os 78 anos de história de um clube de enormes tradições do futebol mato-grossense. Trata o “Mais Querido”, como se fosse uma casa de meretrício, alugando as suas tradições ao mais desacreditado homem público de Mato Grosso, Eder Moraes.

Escrevo este artigo, porque o Mixto ontem, sem o Hélio Machado saber trocou de treinador, promovendo a demissão de Eduardo Henrique. Isso ocorre menos de 48 horas depois do treinador mixtense vencer o clássico diante do Cuiabá. Eduardo Henrique vinha fazendo bom trabalho, deixou o Mixto na terceira posição do campeonato, portanto se o campeonato terminasse hoje, estaria credenciado a disputar as finais e promoveu vários atletas jovens.

Ontem a noite, Eduardo Henrique foi demitido porque Eder Moraes resolveu contratar um novo técnico, Claudio Adão, “para dar mais visibilidade ao Mixto”. Eder Moraes justificou sua decisão afirmando para alguns torcedores do Mixto que “se não for da forma que ele sugere, o Riva não vai ajudar mais”. Não tentei checar a informação do Eder, mas tenho certeza pelo que conheço do Riva, que ele não pediu coisa nenhuma a cabeça do treinador.

Claudio Adão é sem dúvida mais famoso que Eduardo Henrique. Só que como atleta. Como treinador é totalmente inexperiente. Aliás, sua primeira experiência no Legião de Brasília foi desastrosa. Não se credenciou a nada. Estivesse ele em grande forma física e seria ótima contratação como centro avante. Foi um dos bons do Brasil na posição. Como treinador vai fazer o Mixto de cobaia. Será uma experiência para Claudio Adão em um clube de 78 anos de glórias e tradição.

A explicação do Hélio Machado para a imprensa é de causar asco. Dá vontade de vomitar. Transcrevo o que ele disse ao site Craques do Rádio: “eu disse que era contra a mudança e vou tentar convencer Eduardo Henrique a ficar em outra função”.

Deu pra entender, o presidente é contra, mas quem manda é o Eder.

Mais adiante, outra pérola do Hélio Machado: “esse grupo de investidores liderados pelo Eder quer dar mais visibilidade ao Mixto. Eles já vem bancando as despesas do clube e acharam por bem contratar um treinador conhecido, como é o caso de Claudio Adão”.

Mentira do Hélio Machado. Claudio Adão foi conhecido como atacante de futebol. Como treinador teve uma desastrada experiência no Legião de Brasília (você já ouviu falar). Outra mentira do Hélio Machado é a de que Eder já vem bancando as despesas do Mixto. Não é verdade. Eder Moraes afundou o Mixto em dívidas, o clube deve mais de dois milhões de reais, a grande maioria das dívidas construídas na desastrada gestão de Eder Moraes, naquele famoso acordo da AFAM. Essa instituição precisa ser investigada pelo Ministério Público, até pra saber se, mais uma vez, o Mixto não está sendo usado como estrutura para branqueamento de capitais.

Com esse posicionamento, Hélio assume que é o novo Armindo Pardal, (o dirigente que permitiu Eder Moraes fazer essa dívida gigantesca em nome do Mixto, na época da AFAM) e um verdadeiro fantoche desprovido de vontade própria.

Pode ser pesada a expressão, mas Eder Moraes transformou Hélio Machado num verdadeiro palhaço, pois ontem, o presidente mixtense soube da contratação de Claudio Adão pelo radialista da Industrial Rosenil Fernandes.

Quando concedeu a entrevista ao site Craques do Rádio, Hélio Machado confessou saber do seu comportamento indigno com o ex-treinador do Mixto: “Estou agora reunido com o Eduardo (era ontem a noite), com uma boa proposta, mas ele está irredutível”.

O presidente do Mixto necessita entender que nem todas as pessoas abdicam da dignidade, principalmente da profissional. Hélio sabe que Eduardo já aceitou outras funções no Mixto, mas quando a combinação foi eticamente conduzida. Da forma traiçoeira com que foi demitido, o Eduardo também teria sucumbido se aceitasse os apelos do presidente.

Hélio Machado deve estar com dificuldades de encarar Eduardo. Em momentos difíceis do Mixto, além de aguardar os salários do clube, Eduardo emprestou dinheiro a Hélio para resolver os problemas mixtenses. Por mais indigno que se revele, o presidente do “Mais Querido”, nunca vai negar esses valores presentes no caráter de Eduardo.

Nada contra o Cláudio Adão. Tomara que ele dê certo nas novas funções que passa a desempenhar. Fico também na torcida para que o Mixto, eternamente meu clube de coração, continue vitorioso nas disputas das quais participa, mas transformar o clube em uma instituição de aluguel para interesses inconfessáveis do bando liderado por Eder Moraes é inadmissível.

O Mixto pode e deve buscar apoio dos políticos para resolver os seus problemas, mas sem abdicar da sua autonomia como clube. Hélio aceitou passivamente o papel de rainha do Mixto, imposto por Eder Moraes. Na monarquia é assim, a rainha reina, mas não governa.

Fonte: Blog do Antero (destaques em negrito do autor)
28/02/2013

OBS: Envie seu artigo ou opinião para contato@mixtonet.com

2 comentários :

Blog do Alex on 28 de fevereiro de 2013 14:57 disse...

Eu não sei o que Antero Paes de Barros intromete...Primeiro nunca abraçou a causa do Mixto..Segundo ele falar de Hélio Machado é repugnante, em vista que é o único que esta a frente do Mixto com suas dificuldades e lutando..Cade ele?...Só sabe ficar de Bla..Bla..Na verdade tem que ser visto algumas coisas concordo...Mas se é para fortalecer o Clube e acertos de salários não vejo nada de errado..E dizer que fulano é isso e aquilo não justifica...Qdo se fala de Politica é curriqueira e ninguem esta preste a ouvir besteiras....Queremos Ação..Vc vai fazer isso?

Carlos araujo disse...

Antero falou tudo e mais um pouco. Estão fazendo do MIXTO um curral eleitoral e o Hélio capacho disso tudo. Acho que o MIXTO desta vez quebra pra nunca mais se levantar.

Postar um comentário

Atenção: comentários anônimos não serão aceitos. Identifique-se!