3.4.13

Mixto tem 7 jogadores no DM mas meta é time com 3 atacantes: Marclei, Paulo Henrique e Felipe Adão, com Robinho no meio campo


Paulo Henrique
Felipe Adão
Marclei
O Mixto entra na última rodada com a missão de ao menos empatar com o rival Cuiabá, para garantir sua presença na semifinal do Campeonato Mato-grossense. O Tigre está na quarta posição com 25 pontos e vê o União na cola, com 22 (veja a tabela). 

O treinador Cláudio Adão terá problemas para escalar o time que enfrenta o Dourado. Sete jogadores estão no departamento médico (DM) e correm o risco de não jogar. São eles: o lateral-direito Marcos Santos, os zagueiros André Luiz e Júnior Soares, os volantes Vítor e Jamba e o atacante Marclei. Além deles, o lateral-direito Dudu recebeu o terceiro cartão amarelo.

Apesar de tantos problemas, a tendência é que todos os machucados estejam à disposição, exceto o zagueiro André Luiz.

Se puder contar com os atletas, Cláudio Adão promete uma equipe ofensiva para enfrentar o Cuiabá. Ele pretende colocar três atacantes e partir para cima do adversário. A ideia do comandante é escalar Marclei, Paulo Henrique e Felipe Adão na frente, com Robinho no meio.

Marclei ficou de fora contra o Luverdense, por uma lesão na virilha, mas deve voltar neste domingo. Paulo Henrique cumpriu suspensão e tem presença garantida, assim como Felipe Adão, que estreou na última rodada.

"Estou pensando nessa formação, mas não podemos abrir mão do meio campo. Por isso, devo escalar apenas o Robinho no meio, com dois volantes fazendo a contenção. O trio na frente também irá ajudar na marcação. Veremos como o time se sairá nos treinos, até porque alguns atletas retornam de lesão" disse Adão.

A principal virtude do time com três atacantes na frente é pela qualidade na bola aérea, segundo Adão.

"Fica um ataque forte, alto e com um poder muito grande na bola aérea. Vamos treinar bastante esse fundamento, pois ele poderá fazer a diferença" completou.

Cuiabá e Mixto se enfrentam neste domingo, às 15h, no estádio Presidente Dutra. Em caso de derrota, o Tigre precisa torcer para que o União não vença o Vila Aurora, que se enfrentam em Rondonópolis no mesmo horário.

Fonte: Robson Boamorte/Globo Esporte
03/04/2013

1 comentários :

Odilor disse...

O Mixto tem que entender que o empate é um grande resultado e classifica o time. Partir com 3 atacantes para cima do Cuiabá, pode ser perigoso. Tem que reforçar a defesa e a marcação forte no meio de campo e muita garra, porque a vitória do União sobre o Vila é mais que certa.

Postar um comentário

Atenção: comentários anônimos não serão aceitos. Identifique-se!