FMF ANUNCIA LIBERAÇÃO DE INSTRUMENTOS EM REUNIÃO HISTÓRICA DAS TORCIDAS ORGANIZADAS DE MATO GROSSO


Lideranças das torcidas do Cuiabá, Dom Bosco, Mixto e Operário juntos
Representantes das torcidas organizadas do Cuiabá, Dom Bosco, Mixto e Operário estiveram reunidos no fim da tarde desta sexta-feira na UFMT para firmar mobilização pelo direito de torcer. A atividade aconteceu em resposta ao anuncio da FMF de que instrumentos musicais e bandeiras estariam proibidos nos estádios. 

Durante a reunião, o presidente da FMF Helmute Lawisch anunciou pelo viva-voz do telefone que os instrumentos musicais estão liberados. Uma reunião com os líderes de torcida e a federação vai acontecer na manhã deste sábado às 9h na sede da FMF para acertar o cadastro dos instrumentos e responsáveis. 

As torcidas organizadas iniciaram uma discussão pela paz nos estádios e mobilização permanente para liberação de bandeiras, fogos e papel. A discussão pode culminar na formação de uma associação das torcidas regionais. 

Outra discussão levantada foi contra os preços altos de ingressos em MT, por transporte de qualidade com linhas específicas para os estádios e pelos direitos dos torcedores. 

Estiveram presentes na reunião representantes das torcidas:

Raça Cuiabana (Cuiabá)
Leões da Colina (Dom Bosco)
Força Jovem do Operário - FJO (Operário)
Ultras Resistência Operária (Operário)
Comando Alvi-negro - CAN (Mixto)
Torcida Boca Suja - TBS (Mixto)

A torcida Império Alviverde, do Luverdense, também participa da discussão e os torcedores agora buscam adesão das torcidas do União e demais times mato-grossenses ao movimento.

Mixtonet
30/01/2015