19.2.15

Técnico Flávio Barros fala de contratações: "jogador parado não vai servir de nada"


Flávio Barros, novo treinador do Mixto
(Foto: Olimpio Vasconcelos)
O novo técnico do Mixto, Flávio Barros, comandou o primeiro treino coletivo no CT do Gaúcho, na tarde desta quarta-feira. O treinador chega para tentar tirar o Alvinegro da zona de rebaixamento, e com o objetivo de dar confiança para o grupo de jogadores, que não conseguiu uma vitória sequer no Campeonato Mato-grossense. Ele espera contratar alguns jogadores de sua confiança e fala em trabalhar com seriedade para colocar o time no lugar merecido.

Com passagens vitoriosas pelo futebol alagoano, conquistou três títulos estaduais na década passada. Em 2005, pelo ASA, 2007 pelo Coruripe e 2009 pelo CSA. O técnico confirma não conhecer muito bem o grupo de jogadores, nem o futebol local, mas relativiza.  

- Por obrigação temos que estar sabendo não só do campeonato daqui, como de qualquer outro local. Vim jogar aqui contra o Mixto ano retrasado pela Série D do Brasileiro, com o Santos-AP. O time jogava para vencer dentro e fora de casa, mas isso é passado. Não temos conhecimento de todos os jogadores, porém o futebol é o mesmo aqui e na Europa, a bola é redonda do mesmo jeito, é só a pessoa ter profissionalismo – esclareceu.

Flávio revela estar ciente das dificuldades, do histórico vencedor do time, e da grande torcida. Ele admitiu o trabalho árduo que tem pela frente, e espera agilidade da diretoria na disponibilização das peças para reposição. 

- A própria diretoria sabe das carências que o clube tem e me passaram algumas contratações,  vamos analisar os posicionamentos dos atletas para que a gente possa colaborar na indicação, porque o atleta para vir para cá tem que estar jogando em algum lugar, pois jogador parado não vai servir de nada. O tempo é curto e nós esperamos que isso possa acontecer o mais rápido possível, e esperamos montar uma equipe qualificada para ir atrás das vitórias.

A diretoria confirmou que em poucos dias alguns jogadores devem chegar e outros deixar o time do Mixto. Para o treinador o importante é ter comprometimento dentro e fora de campo. 

- Me responsabilizo desde o dia que cheguei aqui, desde o primeiro contato com os atletas, que vou fazer o meu trabalho. Sei que o torcedor está chateado, mas nós pedimos calma, porque só com trabalho é que vamos sair dessa situação. Não adianta ficar só na conversa e o trabalho dentro de campo não render, eu prefiro trabalhar dentro de campo e procurar dá moral para o grupo, através da seriedade de cada um - concluiu o treinador.

A estreia de Flávio Barros no Mixto será neste domingo, contra o Sinop, fora de casa, pela sexta rodada do Campeonato Mato-grossense. 
Flávio Barros chegou ao lado do dirigente Luis Matos (Foto: Olimpio Vasconcelos)
Olímpio Vasconcelos e Robson Boamorte/Globo Esporte
19/02/2015

0 comentários :

Postar um comentário

Atenção: comentários anônimos não serão aceitos. Identifique-se!