10.3.15

Elias convoca a torcida para o jogo decisivo contra o Poconé


Treinador Elias do Mixto (Foto: Reprodução/TVCA)
Elias Rosa - Treinador do Mixto
O Mixto vive uma semana decisiva para escapar do rebaixamento no Campeonato Mato-grossense. O Tigre recebe o Poconé, nesta quarta-feira, na Arena Pantanal, precisando da vitória para se manter vivo. A partida marca a estreia do treinador Elias Rosa, substituto de Flávio Barros, que pediu demissão após interferências da diretoria. Rosa teve cerca de 10 dias de treinamentos para que o Mixto conquiste o primeiro triunfo no estadual. 
- Treinamos forte, o grupo e o ambiente são bons. Contamos com esse clima bacana para sair dessa situação. Pior que está, não vai ficar, então vamos buscar forças de onde não temos para escapar do rebaixamento. Só depende de nós, temos dois jogos para buscar os pontos necessários - disse Elias à TV Centro América. 
Elias aproveitou para convocar a torcida, considerada a maior de Mato Grosso, para apoiar o time e ajudar para a vitória. 
- Nossa torcida é muito grande e apaixonada. Contamos com o apoio dela para nos auxiliar. Precisamos muito dos torcedores neste momento.
Quanto ao time que entra em campo, Elias Rosa preferiu adotar o tom de mistério, apesar de já ter o time na cabeça. 
- Eu sei o que time vai começar o jogo, teremos algumas mudanças, mas prefiro não falar para não desanimar os que irão ficar de fora. O que sei é vamos chegar forte. Não tem nada perdido. 
Mixto e Poconé jogam nesta quarta-feira, às 21h, na Arena Pantanal, pela 9ª rodada do Campeonato Mato-grossense. O Alvinegro da Vargas é o lanterna do grupo A, com apenas três pontos. 
 
Fonte: globoesporte.com

2 comentários :

Anônimo disse...

Foi mais uma manhã difícil para o Mixto. Na véspera do jogo decisivo contra o Poconé, na Arena Pantanal, os jogadores se recusaram a entrar em campo nesta terça-feira, alegando atraso salarial.

O técnico Elias Rosa e o auxiliar Cesar Casavechia tiveram que esperar duas horas na porta do Estádio Presidente Dutra, até o elenco chegar. Por telefone, membros da diretoria tentavam contornar a situação. O presidente Paulo Cesar Camargo, o Gatão, foi até a Casa do Atleta conversar pessoalmente conversar com os jogadores. NÃO ENTENDO O MOTIVO DO CONSELHO DELIBERATIVO FICAR SÓ ASSISTINDO E NADA FAZ EM PROL DO MIXTO. POR QUE NÃO TIRA ESSES DIRETORES INCOMPETENTES. ASSUMAM LOGO.

Anônimo disse...

Apesar das opinioesde alguns "gurus" da imprensa de Cuiabá eu acredito que o mais querido fará um grande jogo contra o pec e dará um grande passo para escrever uma nova historia, e o treinador Elias fará parte dessa historia sem dúvida alguma, eu acredito. Martinho Moraes

Postar um comentário

Atenção: comentários anônimos não serão aceitos. Identifique-se!