24.5.15

Gatão diz ter conversa com "grande empresário" e que não sairia para "para aventureiro" assumir


Grupo pressiona renúncia do atual presidente
Afirmando estar de “saco cheio” de muitas críticas e de cobranças de “alguns torcedores” para que entregue o cargo, o presidente do Mixto Esporte Clube, Paulo César Gatão, desabafou na manhã deste sábado. “Eu saio, entrego o cargo, não tem problema, mas depende de algumas condições, principalmente de quem vai assumir“, disse o dirigente.

Gatão foi eleito como candidato único em novembro de 2014 levado pela promessa de um “grupo de empresários e investidores” que iriam respaldá-lo financeiramente. O grupo (identificado como Gebara) acabou desistindo na véspera da eleição. De lá para cá o Alvinegro seguiu passando por muitos problemas administrativos e financeiros, quase foi rebaixado no Estadual deste ano e da competição ainda deve “em torno de cinquenta mil reais”, segundo o presidente.

“Tem um grupinho de torcedor me pressionando, pedindo para renunciar, para entregar o cargo. Tudo bem, eu saio, mas quero saber quem vai assumir? Não vou entregar o cargo para qualquer um, para aventureiro ou picareta. O Mixto já fez isso em anos anteriores e veja só a situação que estamos. O pessoal só sabe dar bordoada, criticar, mas ajudar mesmo são poucos. Me tragam candidatos, aí vamos conversar. Não vou abandonar o Mixto assim não”, desabafou o dirigente.

Gatão diz ter uma conversa ainda preliminar em andamento com um “grande empresário” de Cuiabá. “Ele tem vontade de assumir, sei que a situação não é fácil, mas vamos conversar, ver o que ele propõe, o que exige”, completou, para em seguida falar com entusiasmo sobre a parceria feita para “criar uma verdadeira categoria de base” no Mixto. Através de um acordo com a Escola de Futebol Gol de Placa, que trabalha com uma franquia do Corinthians na capital mato-grossense, Eduardo Henrique assumiu o comando técnico e vai dirigir o time no Estadual Sub-19 que começa no final deste mês:

– Estamos trabalhando, já temos um amistoso neste sábado à tarde em Santo Antonio e este é o caminho. Vamos procurar formar jogadores para o Mixto. Estamos trabalhando, dentro das nossas possibilidades, mas estamos trabalhando.

Craques do Rádio (texto e foto)
24/05/2015

1 comentários :

Alberto disse...

ESSA CONVERSA FIADA DE GRANDE EMPRESÁRIO NÃO COLA MAIS. A VERDADE É QUE SERÁ DIFÍCIL ALGUÉM ASSUMIR O MIXTO NESTA CONDIÇÃO. QUANDO APARECE UM, A MAIORIA SÓ SABE CRITICAR. ENQUANTO ISSO, A DÍVIDA AUMENTA E O FUNDO DO POÇO FICA CADA VEZ MAIS PERTO.

Postar um comentário

Atenção: comentários anônimos não serão aceitos. Identifique-se!