20.5.15

MIXTO COMPLETA 81 ANOS DE HISTÓRIA E TRADIÇÃO. PARABÉNS TIGRE!!


No dia 20 de maio de 1934 nascia o Mixto Esporte Clube, que se tornaria uma das mais tradicionais instituições do futebol brasileiro. Dono de 24 títulos estaduais – o maior campeão do Estado – o Alvinegro tem a maior torcida de Mato Grosso e viveu momentos de glória até a metade dos anos 80. A partir daí passou a alternar bons e maus momentos especialmente administrativa e financeiramente. Nos últimos tempos a decadência ficou evidente. Endividado, em crise gerencial, e com seu futuro cada vez mais incerto, o Tigre completa 81 anos sem qualquer motivo para festa.

O Mixto recebeu este nome por congregar homens e mulheres em uma equipe de vôlei que se chamava Esporte Clube Pelote. Entre os fundadores, pessoas que se tornaram tradicionais na história cuiabana, como Ranulpho Paes de Barros, Dona Maria Machado, Gastão de Matos, Dona Naly Hugueney Siqueira,  Avelino Hugueney Siqueira e  Zulmira Canavarros.

Na história do Campeonato Mato-grossense pós-divisão do Estado, tem 9 títulos (1979/80/81/82, 1984, 1988/89, 1996 e 2008). Na história geral, entre os períodos do futebol amador e do profissional, contabiliza 24 conquistas estaduais.

Em 1976 foi o primeiro time a representar a Baixada Cuiabana no Campeonato Brasileiro. Ao todo, somando-se as quatro divisões, disputou o certame nacional 21 vezes:
– 1ª Divisão – 1976, 1978, 1979, 1980, 1981, 1982, 1983 e 1985 (115 jogos, 35 vitórias, 28 empates e 52 derrotas)

– 2ª Divisão – 1982, 1983, 1986 e 1989 (26 jogos, 7 vitórias, 4 empates e 15 derrotas)

– 3ª Divisão – 1987, 1988, 1996, 2006, 2008 e 2009 (62 jogos, 21 vitórias, 20 empates e 21 derrotas)

– 4ª Divisão – 2010 e 2012 (20 jogos, 10 vitórias, 6 empates e 4 derrotas)

Outra competição nacional disputada pelo Alvinegro foi a Copa do Brasil – 5 participações (1989, 1990, 1997, 2001 e 2009)  – fez 11 jogos: 4 vitórias, 1 empate e 7 derrotas.

Podem ser lembradas ainda participações no antigo Torneio Centro-Oeste (inclusive com um título) e várias conquistas da Taça Cuiabá (que era geralmente disputada como 1º turno do Campeonato Estadual). Enfim, a trajetória mixtense pode e deve ser contada como páginas inesquecíveis e de grande importância para a história do futebol de Mato Grosso.

Portanto, se motivos para festa não existem no momento, sobram fatos e lembranças que merecem a reverência de todos os desportistas, pois o Mixto trilhou ao longo destes 81 anos uma trajetória que já fazem parte da eternidade. E que estes registros do passado possam servir de inspiração para atitudes concretas e responsáveis que levem a reviver os bons tempos.

Batizado de ‘Mais Querido de Mato Grosso’ por sua fanática e fiel torcida, o Mixto Esporte Clube é um patrimônio do futebol e merece uma saudação especial neste 20 de maio. Parabéns Mixto, parabéns mixtenses!

Craques do Rádio
20/05/2015

0 comentários :

Postar um comentário

Atenção: comentários anônimos não serão aceitos. Identifique-se!