Alvinegro terá 11 dias de preparação para enfrentar a Chapecoense. Comissão técnica solicitou treino na Arena

A vitória em cima do lanterna Operário Futebol Clube por 3 a 0 serviu para dar maior tranquilidade ao técnico do Mixto, Toninho Pesso. O resultado positivo colocou o Alvinegro na zona dos quatro primeiros colocados da chave única com dez pontos somados na tabela de classificação.

Com vaga assegurada à segunda fase do Campeonato Mato-grossense, Pesso agora dará todas as atenções para a partida decisiva diante ca Chapecoense (SC), pela segunda fase da Copa do Brasil. A partida está marcada para o dia 6 de março, numa quarta-feira à noite, na Arena Pantanal.

Com a paralisação do Estadual por causa do Carnaval no próximo fim de semana, o time alvinegro terá 11 dias de folga na tabela até o jogo pela competição nacional. Neste período, Toninho Pesso irá monitorar o adversário, assistindo vídeos e armando seu time para o confronto.

O treinador já solicitou a disponibilidade da Arena Pantanal para realizar, no mínimo, dois treinamentos tático e técnico. O objetivo é fazer simulação de situação de jogo contra um adversário acostumado a atuar em campos com maiores dimensões, iguais a do estádio da capital mato-grossense.

Neste primeiro momento, o único problema para o jogo nacional é o zagueiro Caio, que se lesionou na partida contra o Operário Futebol Clube. É possível que a diretoria contrate um defensor para repor a ausência do jogador, que foi titular na conquista da Copa FMF. O meia Dinelson está pronto para a partida diante da Chape. O jogador está apto após desfalcar o time em dois jogos pelo Estadual.

Fonte: Luiz Esmael/Jornal A Gazeta. Foto: Junior Martins/Assessoria Mixto
26/02/2019