Com campanha impecável, as Tigresas venceram por 3 a 1 a forte equipe do CCJ e conquistaram o bicampeonato de uma das principais competições do salonismo de Mato Grosso, a Copa Brasil MT de Futsal Sub-15.

A competição teve duração de mais de três meses e as finais foram disputadas no sábado dia 23, no Ginásio Aecim Tocantins em Cuiabá. Os gols mixtenses foram marcados por Fernanda (2) e Thaylla.

O técnico Renner Benevides valorizou a postura das atletas.

“É importante destacar a garra e a determinação das atletas, pois dominaram a partida a todo momento. A Equipe termina a competição de maneira louvável, além de erguer o troféu pela segunda vez consecutiva”.

O professor também comentou sobre os destaques da equipe feminina:

“Jeniffer Luanny, a maestra em conduzir a jovem equipe é a artilheira da competição, assim como em 2018. A equipe ainda teve Thaylla Raffaelly como atleta destaque da competição e Eduarda Vitória como a Goleira destaque da Competição”.

Já o Diretor de Futebol e Futsal Feminino do Mixto, Celso Nunes, ressaltou o ano vitorioso das Tigresas e a conquista como mais um elemento do planejamento:

"O futebol e o futsal feminino do Mixto em 2019 foram protagonistas em todos os aspectos, pois conseguimos êxito em todas as competições que participamos até agora. Isso deve-se ao planejamento, onde definimos todas as competições do ano. E com certeza, ao ritmo de preparo e treinamento proposta pela comissão técnica, que tem à frente o Professor Renner Benevides. Dentro das nossas possibilidades, corremos atrás para proporcionarmos o melhor para as nossas atletas e comissão".

O ano ainda não terminou para o feminino do Mixto. Restam disputas pelo Sub-17 na mesma Copa Brasil MT e torneios locais. Mas já é possível prever que 2020 será um ano grandioso para as Tigresas, com evidência no cenário nacional. O Mixto disputará três grandes competições: Liga Nacional Sub-17, Taça Brasil Sub-17 e o Campeonato Brasileiro CBDE Sub-17. E ainda a Liga Estadual Adulto Feminino, com grandes possibilidades de classificar pela quarta vez para a etapa nacional da competição adulta.

Eduarda Vitória e o técnico Renner Benevides
Jenneffer Luanny, artilheira da competição
Thayla Rafaelly e o técnico Renner Benevides