Entrevista especial com El Lobo - atacante revela que comemoração do gol em Nova Mutum foi resposta aos adversários que provocavam o Mixto

0
O atacante Magno Costa, o El Lobo, caiu na graça da torcida. Chegou com recepção de torcedores no aeroporto e tem mostrado muita luta e dedicação em campo. Já tinha dado duas assistências no campeonato Mato-grossense, mas o gol não havia saído. E foi na última partida que El Lobo balançou as redes pela primeira vez, com gol decisivo que garantiu o empate contra o Nova Mutum em 1 a 1. O MixtoNet entrevistou o atacante mixtense, que contou sobre a comemoração do gol e disse esperar marcar de novo contra o Operário:

MixtoNet - Qual foi a sensação ao marcar gol pela primeira vez com a camisa do Mixto?

El Lobo: Uma emoção muito grande, eu vinha trabalhando muito durante a semana, para conseguir fazer esse gol, para dar uma alegria para o torcedor e também para coroar meu trabalho. Graças a Deus o gol saiu no momento certo e foi um gol importante, que a gente conseguiu o empate. Voltei muito feliz de lá. Mesmo longe da torcida, mas com meus companheiros ali, senti uma coisa muito especial. Espero que seja o primeiro de muitos. Espero ter a possibilidade de marcar de novo no domingo, aqui no clássico contra o Operário, para dar a vitória para essa torcida maravilhosa.

MixtoNet - Na comemoração do gol em Nova Mutum, você parece ir agradecer no banco do reservas, o que passou na cabeça naquele momento?

El Lobo: Na verdade, não fui para agradecer no banco não. A torcida deles estava falando muita besteira no estádio, estavam xingando o Mixto e diretamente a mim. Na hora que fiz o gol, eu não pensei duas vezes em ir lá e mandar eles fecharem um pouco a boca, por que estavam falando muito. Na hora do gol foi uma emoção muito grande e fui para cima deles e falei que tinha que respeitar o nosso trabalho e que ali era o Mixto e que essa camisa é pesada. Desabafei. Eles tinham que respeitar essa camisa. Naquele calor todo, naquela confusão, mas foi um gol importante e estou feliz por isso.

A torcida deles estava falando muita besteira no estádio, estavam xingando o Mixto e diretamente a mim. Na hora que fiz o gol, eu não pensei duas vezes em ir lá e mandar eles fecharem um pouco a boca

MixtoNet - Ainda sobre o gol, na comemoração você imita um lobo, é uma marca sua essa comemoração?

El Lobo: Sim. A comemoração é uma marca minha que eu sempre faço. Eu sou muito explosivo nas comemorações e depois eu imitei o animal lobo. Meus gols eu sempre comemoro assim.

MixtoNet: O próximo desafio do Mixto será o clássico contra o Operário, domingo (09) às 15h na Arena. Qual o objetivo do Mixto nesse jogo?

El Lobo - Será um jogo muito difícil. A gente não pode ser hipócrita, eles tem jogadores de qualidade. Estão bem entrosado, com a parte física melhor do que a nossa. Mas a gente vai para buscar os três pontos. Contra o Mutum, infelizmente os três pontos não veio, mas ficamos felizes de voltar com 1 ponto de lá. Somar ponto fora de casa é sempre importante, agora é tratar de fazer a nossa parte aqui dentro de casa e ganhar os três pontos diante do grande jogo que é o clássico contra o Operário, para dar uma tranquilidade maior e para dar um passo para a classificação.

Veja a comemoração no vídeo:



El Lobo comemora o gol diante do Nova Mutum


Fotos: Gil Gomes/Assessoria Mixto EC

Nenhum comentário:

Postar um comentário