14.12.12

Presidente fala sobre o 'Kit do Torcedor', dívidas e bloqueio de renda pela justiça trabalhista


Torcida deve ajudar time a levantar fundos para quitar salários 
(Foto Leonardo Heitor/Globoesporte.com)
Ainda sem ter garantias de que irá receber o dinheiro prometido pelo Governo do Estado, o Mixto busca alternativas para quitar os salários atrasados do elenco. O Tigre deve três meses aos jogadores que disputaram a Copa Mato Grosso e levaram o título da competição.

A primeira iniciativa é o lançamento de um kit para o torcedor que contém uma camisa oficial e um carnê com ingressos para os 11 jogos do clube na primeira fase do Campeonato Mato-grossense. Cada kit será comercializado por R$ 250. As vendas devem começar na semana que vem. Alguns itens, como adesivos e canecas, também devem fazer parte.

Segundo o presidente Hélio Machado, os colaboradores do clube vão em busca de empresários, políticos e interessados para que o clube consiga vender o maior número possível de kits e quitar as dívidas com o elenco.

"Queremos mobilizar a sociedade cuiabana para adquirir o kit e nos ajudar. Estamos com dificuldades financeiras, o governo não libera o dinheiro e continuamos com nosso patrocínio retido por ações trabalhistas" explicou.

O Mixto tem um acordo com a Justiça do Trabalho que retém R$ 20 mil mensais de todo o dinheiro que entra no clube. A verba mensal que o clube recebe de um patrocinador é de R$ 100 mil, mas que também está retida na Justiça do Trabalho.

"O acordo de R$ 20 mil é com um grupo de jogadores. Existem outros jogadores que também entraram com ações e que não fazem parte do acordo inicial. Isso trava esse patrocínio, que se fosse liberado seria a solução das nossas dívidas atuais" observou Machado.

Quanto aos mais de R$ 2 milhões que o governo do estado deveria pagar aos times que participaram do Campeonato Mato-grossense e das Série C e D do Campeonato Brasileiro, o imbróglio continua. A tendência é que ele não saia neste ano.

"Final de ano é complicado, burocracia e tudo mais. Vi uma sensibilidade dos deputados em liberar o montante, mas está difícil" completou.

A diretoria está com dificuldades em negociar com o grupo campeão da Copa Mato Grosso. Alguns não estão aceitando a redução de quase 50% do salário.

"É difícil negociar o futuro sem pagar o que devemos no presente. Estabelecemos um teto salarial e vamos cumprir" disse Hélio.

Até o momento apenas o volante Jamba confirmou sua permanência no time.

Fonte: Robson Boamorte / Globo Esporte MT
14/12/2012

1 comentários :

Jomax disse...

Quando o site oficial do Mixto vai entrar DEFINITIVAMENTE em operação? E Uma curiosidade: Se eu quiser vê os 24 Troféus de Campeão Estadual, bem como o troféu de 1º Campeão do Centro-Oeste do Mixto, onde tenho que ir? se o Mixto for fazer um museu esses troféus têm que estar lá.

Postar um comentário

Atenção: comentários anônimos não serão aceitos. Identifique-se!