21.1.13

Eduardo comemora semana livre, aguarda reforços e descarta Cléber


De volta a Cuiabá após o empate em 0 a 0 com o Vila Aurora, na estreia do Campeonato Mato-grossense, o elenco do Mixto volta aos treinos nesta segunda-feira com elenco reduzido. Quem atuou no jogo deste domingo ganha folga.
O treinador Eduardo Henrique elogiou a vontade e determinação dos atletas, mas confirmou que o grupo sentiu a falta de ritmo de jogo e não conseguiu apresentar um bom futebol.
- O empate foi importante, pois somar pontos é fundamental para brigarmos pela classificação lá na frente. É claro que gostaríamos de vencer, mas não podemos lamentar – disse.
Para ele, o grupo é muito jovem – dos 18 convocados para a partida, 12 tinham menos de 23 anos – e prevê uma melhora já na próxima rodada, já que o Mixto só volta a campo no domingo contra o Mato Grosso, no estádio Eurico Gaspar Dutra.
- Ter a semana inteira será excelente, principalmente para melhorarmos a parte física. Tivemos jogadores como o Paulo Henrique e o Igor que chegaram durante a semana e poderemos ainda intensificar os trabalhos táticos – disse.
Um dos destaques do Mixto foi o estreante goleiro Igor, ex-Cuiabá. Ele realizou ao menos duas defesas que seriam gol certo.
- Treinei apenas uma semana, mas fui para o jogo pois a comissão técnica confiou no meu futebol. Fico contente em ter ajudado e agora é trabalhar mais para que possamos conquistar a vitória – disse ele, único titular que vai treinar nesta segunda-feira.
O meia Adriano Guiducci, contratado para ser o camisa 10 do Tigre, deve ter condições físicas para assumir a titularidade no duelo contra o Mato Grosso.
- Será uma peça importante, pela sua qualidade. É um atleta que atuou pelo clube no ano passado e sabemos que será muito útil – analisou Eduardo Henrique.
A diretoria descartou a contratação do volante Cleber, que atuou pelo clube na campanha do título da Copa Mato Grosso do ano passado. Ele estava com tudo acertado para retornar, inclusive com a passagem comprada, mas descartou o negócio.
- Devem chegar mais quatro reforços. Um volante, um lateral-esquerdo e dois atacantes – finalizou o treinador.

Fonte: globoesporte

1 comentários :

danilo (bosque da saúde) disse...

a defesa está deixando a bola passar fácil demais e ninguem fazendo interceptação da bola, tá parecendo a defesa de 2012, ainda bem que Cris se mandou porque era frágil demais como jogador e passava a fragilidade para toda a equipe. mesmo assim é necessario reforçar a defesa para 2013. bom lembrar que em 2012 o mixto deixou escapar a vitoria contra o sampaio correa no dutrinha por causa de um gol bobo em que a defesa foi lenta demais e já tinha sido assim em 2010 quando levou também um gol bobo do America de Manaus tambem no dutrinha. Assim, por causa de defesa frágil o Mixto perdeu duas excelentes chances de estar na Serie C faz tempooooo. tem que ser radical desta vez.

Postar um comentário

Atenção: comentários anônimos não serão aceitos. Identifique-se!