Custou a teimosia de deixar Paulo Henrique no banco e manter Felipe Adão no time, mas parabéns à torcida mais apaixonante de MT


Valeu Tigre! Não foi dessa vez que conseguimos o título de campeão mato-grossense pela 25ª vez, mas alcançamos o principal objetivo do semestre em 2013, a vaga na Série D do Campeonato Brasileiro. Agora é continuar o trabalho, que está no caminho certo, corrigir os erros e conquistar o principal objetivo do ano, o acesso à Série C.

Destaque especial à torcida mixtense, que apoiou do começo ao fim, em todos os momentos, da dificuldade à alegria. Que torcida é essa? Torcida fanática que lotou os jogos do Mixto, invadiu Lucas do Rio Verde, foi para Rondonópoils, para Sinop e fez a diferença. Parabéns torcedores, vocês são o principal patrimônio do Mixtão.

Os jogadores do Mais Querido foram guerreiros, deram sangue pelo Mixto, com algumas exceções, mas no geral combateram com raça. Mas foi a torcida que carregou o time no colo nos momentos mais difíceis. 

Só não fomos melhor pois faltou laterais de mais qualidade e pela teimosia do técnico Cláudio Adão em deixar o artilheiro Paulo Henrique no banco e manter Felipe Adão no time, atacante que não faz gol, e quando fez o único errou o pênalti na final, assim como o lateral Jorginho, uma avenida na lateral do Mixto que Cláudio Adão persistia em manter.

Agora bola pra frente, a Série D vem aí e o Dutrinha vai ser pequeno!

VAMOS MIXTO, RUMO À SÉRIE C!!

Mixtonet