MIXTO INICIOU TREINOS PARA A SÉRIE D. DEZOITO ATLETAS SE APRESENTARAM, SENDO QUATRO REFORÇOS


Técnico Claudio Adão e seu auxiliar Francisco de Paula Adão. (Foto: Robson Boamorte-GE)
O Mixto voltou aos treinos nesta sexta, após a perda do título estadual, com apenas quatro reforços: o zagueiro Asprilla, os volantes Cleber e João Gabriel e o lateral-direito Juninho. O atacante Osmar, o lateral-direito Ley e o zagueiro Teco devem chegar nos próximos dias para se juntarem ao grupo.

O meia Evandro, ex-Araxá e Cuiabá, chegou a ser anunciado, mas declinou do convite. O também meia Valderrama não apareceu na reapresentação.

A outra novidade foi na comissão técnica, com a chegada do preparador físico Robson Silva, que substitui Vilson Júnior, demitido pelo baixo rendimento físico da equipe.

Do grupo que permaneceu, o atacante Paulo Henrique ainda não se apresentou. Sua volta está marcada para a próxima semana.

Segundo a diretoria, mais reforços devem ser contratados, mas existe dificuldade pela falta de condições financeiras. Por ora, 18 atletas se apresentaram ao treinador Cláudio Adão.

O Mixto estreia na Série D do Campeonato Brasileiro no dia 02 de junho, em casa, contra um dos times goianos da chave. A CBF deve divulgar a tabela oficial na próxima semana. O Tigre está no grupo A5 juntamente com Aparecidense-GO, Goianésia-GO, Águia Negra-MS e Brasília-DF.

A tendência é que o jogo seja disputado no dia 01 de junho, já que do dia 02, a tabela do Campeonato Brasileiro da Série C prevê o jogo entre Cuiabá e Treze. Outra possibilidade é o jogo de estreia do Mixto ser remarcado para a condição de visitante, jogando fora de Mato Grosso.

Fonte: Robson Boamorte/Globo Esporte
17/05/2013