16.2.15

De volta, Elber negocia com técnico: "volto para colaborar e tentar evitar que o clube caia"


Elber Rocha de volta ao Mixto (Foto: Fábio Ramirez/Mixtonet)
Vice-presidente de Futebol, Elber Rocha se afastou da diretoria do Mixto no final de 2014 por não concordar com a contratação do técnico Márcio Marolla e dos jogadores anunciados. Agora, com o Alvinegro na lanterna e ameaçado pelo rebaixamento, o médico pneumologista está de volta ao clube. Na tarde desta segunda-feira, disse que “volto para colaborar e tentar evitar que o clube caia”, informou que “um experiente técnico de Goiás está acertado” e anunciou que “de seis a oito jogadores serão contratados”.

– Sai por não concordar com a escolha do técnico. Defendia o nome do Thiago Oliveira (hoje no Dom Bosco), com quem eu já tinha conversado. É um treinador que conhece o nosso futebol e ficaria mais fácil montar um bom time. Não consegui o meu propósito e também discordei de outras atitudes tomadas. Mas o momento agora é de união. Estou de volta para colaborar e ajudar a tentar salvar o time, cujo rebaixamento está muito próximo – comentou.

Para o lugar de Marolla, cuja saída foi oficializada na manhã desta segunda, o Mixto já tem um treinador praticamente definido, segundo ele:

– Está definido, está conversado e acertado. Só falta assinar, por isso não vou divulgar o nome ainda. Estamos vendo as passagens para que ele possa chegar o mais rápido possível. É um treinador conhecido, experiente em acessos, com bons resultados nas séries B e C, que vem de Goiás. Era para ser o Uidemar, mas a mulher dele teve um problema de saúde.

Ainda segundo Elber, “vamos contratar de seis a oito jogadores, pelo menos. O atual elenco é fraco, mais da metade não deve ficar. O treinador que vem sabe disso e apontará alguns atletas dentro das características que pedimos. Tem que ser jogador que vem para jogar, resolver, com garra e técnica. É claro que não podemos pagar salários muito altos, mas vamos melhorar este time com certeza”. Os reforços, acrescentou, virão “para todos os setores da equipe”.

Sobre a situação financeira, Elber revelou que o Mixto tem “cerca de vinte mil em caixa” e que “já estamos nos mobilizando para viabilizar pelo menos mais uns trinta mil para fazer um acerto pelo menos parcial com aqueles que estão aí, os que não ficarão e quem chegar”. A folha mixtense, salientou, “não é alta”. O dirigente espera viabilizar estes recursos até o final da semana.

Domingo o Mixto joga em Sinop. Rocha entende que “se contratarmos bem, formando um bom time, podemos não só evitar a queda como ainda pensar em brigar pela classificação. Mas é claro que tem que vencer tudo”.

Craques do Rádio
16/02/2015

2 comentários :

Anônimo disse...

Tem q chegar amanhã e com reforços. O time precisa ganhar domingo. E também os outros três jogos.

odeney miguel de arruda on 16 de fevereiro de 2015 22:39 disse...

Não é impossivel ir para o rebaixamento, mas, tá dificil o Campeonato é curto.

Postar um comentário

Atenção: comentários anônimos não serão aceitos. Identifique-se!