NA RAÇA E CONTRA ARBITRAGEM, MIXTO ARRANCA EMPATE CONTRA O LUVERDENSE


Ainda longe do ideal mas avançando. O Tigre foi a Lucas do Rio Verde enfrentar o Luverdense pela 5ª rodada do Mato-grossense e conquistou um empate heroico de 1 a 1. A equipe melhorou muito em relação aos jogos passados mas ainda comete erros. Mesmo assim a força de vontade foi o diferencial na partida.

O Luverdense abriu o marcado ainda no primeiro tempo, em pênalti duvidoso marcado por Wagner Reway, aos 33min. de jogo. Thiago Gaparini converteu a cobrança para o time do interior. O técnico mixtense e a torcida presente no estádio reclamaram muito da atuação da arbitragem.

A resposta do Tigre veio no segundo tempo, quando aos 38min da etapa final Washington Veiga  bateu de primeira após cruzamento na área e converteu para o Mais Querido.

Com o resultado o Luverdense foi a 5 pontos, na quarta colocação do Grupo A, enquanto o Mixto segue na lanterna, agora com o primeiro ponto na competição. Na próxima rodada, domingo, o Alvinegro vai  a Sinop enfrentar o time local.

Como foi o jogo

A primeira grande chance do alvinegro surgiu aos 24 minutos com Benitez. Em jogada individual, o paraguaio chutou forte, de fora da área, obrigando Tomazella a fazer uma grande defesa, e evitar o primeiro gol da partida.

Aos 25 minutos o goleiro do Luverdense apareceu de novo em nova investida alvinegra. Desta vez Bruno experimentou, mas Tomazella segurou com firmeza. O anfitrião apareceu em seguida com Lukian. Ortiz, outro paraguaio do Tigre, mandou para escanteio.

O Mixto vinha bem no jogo até que aos 32 minutos Wagner Reway marcou pênalti de Sabiá sobre Lukian, após falta por trás. Na cobrança, após muita reclamação dos jogadores mixtenses, Thiago Gasparino converteu: 1 x 0.

Nos 45 minutos seguintes, o Mixto seguiu avançando esporadicamente, mas apenas com Benitez, enquanto Luizão não aparecia; o Luverdense buscava o segundo, mas também tinha dificuldades para finalizar.

Júlio Terceiro, do LEC e Jonatan, do Mixto, foram expulsos, aos 28 minutos e o jogo ficou mais aberto, principalmente para o time anfitrião. O alvinegro se fechou na defesa como pode e segurou o Verdão do Norte.


Arriscando tudo, Marolla colocou o atacante gigante Washington Júnior, aos 35 minutos. Logo em seguida, aos 38, Washington empatou o placar, num cruzamento do meia Bruno: 1 x 1.  O jogo se arrastou aos 50 minutos e os jogadores comemoram o empate com sabor de vitória. O resultado dá uma sobrevida ao time alvinegro na competição.

Mixtonet - Oliveira Júnior/Craques do Rádio
14/02/2015