8.4.15

Conselho Deliberativo se reúne na segunda dia 13 aguardando prestação de contas


O Conselho Deliberativo do Mixto se reúne na próxima segunda-feira (13) para avaliação da atual diretoria executiva - presidida por Paulo César Gatão - e prestação de contas.

É a segunda chamada feita pelos conselheiros após a diretoria não responder o ofício nº 02 de 2015 (veja anexo), que solicitava em 23 de fevereiro documentação referente ao orçamento, patrocínios, contratos, Sócio Torcedor, Timemania e Loja Oficial. Na última reunião a documentação também não foi apresentada (veja aqui).


Ofício nº 02/2015 Cuiabá, 23 de fevereiro de 2015
A Vossa Senhoria
Paulo César Camargo Ramos
Presidente do Mixto Esporte Clube
Assunto: Solicitação de Informações
Senhor Presidente,
Cumprimentando-o cordialmente, vimos solicitar de Vossa Senhoria que informe ao Conselho Deliberativo, as informações abaixo elencadas.
1. Planejamento Financeiro para ano 2015.
a. Orçamento de Receitas;
b. Orçamento de Despesas.
2. Fonte de Recursos (patrocinadores, colaboradores, doadores, etc) Receitas e Despesas já realizadas;
3. Justiça do Trabalho
a. Situação geral dos processos com a Justiça do Trabalho e o Acordo
4. Programa Sócio Torcedor
a. Relatório de repasse mensal da administradora do programa;
b. Ações para prospecção de novos sócios
5. Categorias de Base
a. Administração da Base e situação geral;
b. Preparativo para as competições de 2015.
6. Contratos de Exploração da marca Mixto
a. Cópias dos contratos firmados (Tubarão, ATAM, Loja temática, etc).
7. Construção do Centro de Treinamento
a. Plano de utilização da área para Construção do CT (Contrato de Comodato Grupo Dias)
8. Timemania
a. Andamento da negociação com a Caixa Econômica Federal;
b. Valor dos recursos retidos na Caixa.
Informamos que a presente solicitação tem amparo no Estatuto vigente do Clube em seu Art. 44º, item X e tem o objetivo de acompanhar as ações desenvolvidas pela Diretoria eleita em conforme metas propostas no Plano de Gestão apresentado pela Chapa Mixto 100% Cuiabano na eleição do dia 22/11/2014.

Solicitamos que as informações sejam repassadas em tempo hábil para apresentação aos conselheiros na reunião que será realizada no dia 03/03/2014.


Na expectativa de poder contar com a sua atenção, renovo meus votos de distinta consideração.

Cristino Batista da Silva
Presidente do Conselho Deliberativo

Mixtonet
08/04/2015

2 comentários :

Anônimo disse...

Tenho a absoluta certeza que a diretoria executiva não apresentará nenhuma prestação de contas, até porque não tem capacidade para isso.Foram tantas falhas cometidas que fica até difícil enumerá-las, mas uma em especial não podemos deixar de citar: A nomeação do sr. Luiz Gimenez, para diretor de futebol, com ele tivemos que suportar aquele tal de Rafael, que aliás é banco nas peladas praticadas no campo da CEF às terças-feiras. Gatão, Dr. Elber, Niltinho e Arley, para o bem do MIXTO e da nação Mixtense, por favor renunciem. Quanto ao Conselho Deliberativo, o senhor presidente deve exigir que todos os conselheiros cumpram com as suas obrigações, só assim terá legitimidade para cobrar a diretoria executiva. Ninguém vai dar apoio e nem dinheiro para Gatão, aliás ele se elegeu sem ter um projeto para o MIXTO, até hoje não entendi porque os conselheiros votaram nele. PAULO SÉRGIO CUNHA - JD. LEBLON - CUIABÁ-MT.

Ademir disse...

A pauta é importante, mas nela está faltando a questão do recurso do Sinop no STJD. O Mixto tem que estar atento a isto. O TJD-MT omitiu-se de julgar o caso, quando o presidente recusou aceitar o recurso por ter sido hipoteticamente enviado à instância errada. O presidente do TJD-MT tinha a prerrogativa de forçar o advogado do Sinop a reenviar o recurso para instância devida ainda no próprio TJD-MT. Por que não fez isto? Assim ficou fácil para o advogado do Sinop simplesmente levar o recurso para o STJD no Rio de Janeiro. O advogado do Sinop é o mesmo que pressionou o STJD a fazer a Portuguesa perder pontos por ter escalado jogador irregular e assim manteve o Fluminense na Série A do Brasileirão em 2013. O caso da Portuguesa é o mesmo do Sinop. Assim, o que o advogado do Fluminense (também vice-presidente do Fluminense) vai dizer a favor do Sinop, a não ser depor contra a própria vitória dele defendendo o Fluminense e a desmentir a decisão do STJD contra a Portuguesa? Mas como a Ciência Jurídica é quase tudo menos ciência, convém ao Mixto armar-se com bons advogados e que estejam atentos aos discursos mais absurdos possíveis que deverá vir deste advogado do Fluminense contratado pelo Sinop. O Mixto tem tudo a seu favor, mas não pode em hipótese alguma relaxar com relação a este assunto. Portanto, convém que a presidência, a diretoria e o conselho estejam atentos a este assunto que não pode de jeito algum ficar em segundo plano.

Postar um comentário

Atenção: comentários anônimos não serão aceitos. Identifique-se!