14.6.16

Walter diz que primeiro passo é conseguir um escritório, negociar dívidas e valorizar a base


Walter Fernandes está em seus primeiros dias como presidente do Mixto. Eleito neste sábado, o funcionário público tem duas metas inicias no Tigre: endereço e negociação de dívidas. Neste primeiro momento, essas são as prioridades de Walter que foi o candidato da situação e derrotou Cristino Batista, da oposição, por apenas 5 votos (37 A 32). Ele vai substituir Paulo César Gatão, que pediu renúncia logo após o Campeonato Mato-Grossense (o Mixto acabou eliminado na primeira fase). 

- Vamos começar praticamente do zero para alcançar o que queremos. Estamos sem lenço nem documento. Para um time com muita história é muito ruim. Nosso primeiro passo é conseguir uma casa, um escritório para que o time tenha sua identidade. Também vamos priorizar a negociação das dívidas com a Justiça do Trabalho, que já teve início com o Gatão. Sem nossas certidões negativas, dificilmente vamos conseguir alguma coisa - disse Walter, por telefone, ao GloboEsporte.com. 

O Tigre está em meio à disputa do Mato-Grossense sub-19 e até o final do ano ainda terá a disputa da Copa FMF sub-21. 

- Nossa ideia é fortalecer a categoria de base, revelar jogadores, ter um time com bom custo benefício. Na Copa FMF vamos usar somente jogadores de Mato Grosso, por exemplo, já em preparação para o Campeonato Mato-Grossense de 2017. 

Nesta semana, Walter deve reunir parte da diretora para traçar os planos. Segundo ele, a dívida do Mixto hoje é de R$ 2,5 milhões. 

- Vamos trabalhar de forma transparente e com credibilidade. Fiz parte da diretoria no ano passado e vi que faltava gestão. Esperamos conseguir implementar nossa filosofia. 


Fonte: Robson Boamorte / Globo Esporte
14/06/2016

0 comentários :

Postar um comentário

Atenção: comentários anônimos não serão aceitos. Identifique-se!