MIXTO ASSINA CONVÊNIO COM O CORINTHIANS PARA AS CATEGORIAS DE BASE


Em troca de cooperação técnica, Mixto realizará trabalho de revelação de garotos de 10 a 17 anos para o Corinthians

O presidente do Mixto, Valter Hudson, assinou em São Paulo um convênio de parceria com o Corinthians. A oficialização do acordo está voltado somente para as divisões de base.

A parceria é vista como uma ‘luz no fundo’ do poço ao futuro do Alvinegro da Vargas. Antes da oficialização da parceria, Valter chegou a se reunir por duas vezes com o presidente corintiano, deputado federal por São Paulo Andrés Sanches. Um primeiro encontro ocorreu em Brasília e o segundo em São Paulo.

Nas tratativas preliminares, houve o acordo em que o Mixto realizará trabalho de revelação de garotos nas faixas etárias de 10 e 17 anos, enviando exclusivamente para o Corinthians. Para ajudar a melhorar a preparação e monitoramento do trabalho, o Corinthians enviará profissionais responsáveis pelas bases do clube a acompanhar o que será feito em Cuiabá. A parceira, segundo presidente mixtense, estenderá também ao futsal. O ex-goleiro Yamada é um dos responsáveis pelo trabalho de base do Timão.

Os garotos serão avaliados em Cuiabá, por olheiros do Corinthians, possivelmente de dois em dois meses. Os que se destacarem serão levados para São Paulo para a Casa do Atleta, que fica bem próxima ao Parque São Jorge e é utilizada pelos jovens jogadores que precisam de alojamento. Eles receberão alimentação e estrutura, inclusive para entretenimento nas horas de lazer. Os jogadores da base do Mixto só poderão ser enviados para o Corinthians, os empréstimos para outras agremiações também não poderão mais ocorrer.

- O Mixto está prestes a fechar uma das melhores ou a melhor parceria-convênio de sua existência. O Corinthians está nos abrindo as portas do futebol nacional e até mundial, com este acordo. Estamos otimistas, já que é algo que ajudará a projetar o clube fora de Mato Grosso. A parceria se estenderá até ao futsal de base, que hoje está sob comando do ex-jogador Serginho Mineiro -, disse Valter, destacando o trabalho feito pelo ex-jogador da Seleção Brasileira que há muitos anos reside em Mato Grosso.

O diretor mixtense Arley Carlos esteve com Valter Hudson na assinatura do acordo.

Fonte: A Gazeta - Só Notícias
08/08/2018