Walter Fernandes, o apoiador Mário Candia e Arley Carlos

O Conselho Gestor do Mixto se reunirá na próxima sexta-feira para debater o futuro do clube para a próxima temporada. O planejamento do Alvinegro da Vargas para 2020 será o principal tema a ser colocado na mesa de discussão.

Na semana passada, o médico Fause Chauchar deixou de ser o principal nome do Conselho Gestor. Hoje, o ex-presidente Walter Hudson Fernandes e Arley Carlos Silva estão a frente do trabalho de gerir o clube para o próximo ano, quando o ‘Tigre’ da Vargas terá apenas o Campeonato Mato-grossense da Primeira Divisão para disputar. O objetivo é brigar pela única vaga de Mato Grosso no Campeonato Brasileiro da Série D de 2021.

Com o afastamento de Fause Chauchar do conselho e das principais ações, deu por encerrada a possibilidade do jogador Dinelson virar gerente de futebol do clube para a próxima semana. Campeão brasileiro pelo Corinthians em 2005, ele defendeu o time no Estadual e na Copa do Brasil nesta temporada. Além de ser atleta profissional, Dinelson tem negócios empresarias em Cuiabá e Várzea Grande e está interessado em ajudar o clube na contratação de jogadores no cenário nacional.

Diante do atual quadro de indefinição do Alvinegro, o nome do técnico Gianni Freitas continua sendo o mais forte para comandar a equipe no Campeonato Estadual do próximo ano.

Fonte: Luiz Esmael/Jornal A Gazeta