Insatisfeito com erros, Mixto faz representação contra comissão de arbitragem da FMF

0
Gil Gomes/Assessoria Mixto EC


O Conselho Gestor do Mixto Esporte Clube, que administra o departamento de futebol, protocolou um protesto na Federação Matogrossense de Futebol (FMF) contra os árbitros que cometeram erros contra o Alvinegro em partidas do Campeonato Mato-grossense 2020. O clube pede a não escalação desses árbitros em jogos do Mixto no estadual.

Conforme o documento cita, ainda poderá haver ação por responsabilidade civil face a eventuais perdas e danos, que os erros proporcionados pela arbitragem ocasionarem.

No documento protocolado na FMF, o clube cita os erros no confronto diante do Cuiabá na segunda rodada, cometido pelo o árbitro Rafael Odílio dos Santos, quando deixou de assinalar dois pênaltis claros. Além disso o seu assistente deixou de marcar impedimento do segundo gol do Cuiabá.

Em outra partida, diante do Araguaia - jogo válido pela terceira rodada do Mato-grossense, o clube se sentiu prejudicado pelo árbitro Eleniel Benedito da Silva, que deixou de dar vantagem a um atleta do Mixto que faria o quarto gol.

Por último, o documento cita o erro mais recente, no clássico vovô do último domingo, em que o árbitro Rodrigo da Fonseca Silva, deixou de marcar um pênalti claro, que daria o empate para o Mixto. O árbitro ainda anulou erroneamente um gol mixtense, em que o zagueiro adversário passou a bola para o centroavante, não configurando impedimento.

Por esses erros claros e evidentes, o Mixto solicita a Comissão de Arbitragem da FMF o afastamento desses árbitros das escalas em que o Mixto estiver envolvido. E que a comissão tenha mais responsabilidade nas escalas dos árbitros, principalmente nesta reta final de Campeonato Mato-grossense.

Nenhum comentário:

Postar um comentário