quinta-feira, 5 de agosto de 2010

PARDAL INFORMA QUE PAGAMENTOS SERÃO QUITADOS AMANHÃ

2
Márcio Pardal
O presidente do Mixto, Márcio Pardal, informou no final da manhã desta sexta-feira que o clube começa a quitar a folha salarial nesta sexta-feira. Ele disse que “um atraso no repasse do patrocínio” provocou o atraso na folha de junho. O salário de julho vence dia 10.

Já definimos um cronograma de pagamento e tudo será normalizado”, afirmou o dirigente, acrescentando que “no dia 30 pagaremos agosto, também por conta deste atraso no repasse”. Segundo Pardal, as informações já foram passadas ao elenco e à comissão técnica.

Fonte: Craques do Rádio
05/08/2010
Author Image
Publicado por: Fábio Ramirez

O MixtoNet é um portal mixtense independente, impulsionado pela torcida. Encontrou algum erro, tem sugestão de matéria? Envie para nós: mixto@mixtonet.com

2 comentários:

  1. Realmente parece que a diretoria só faz quando nós torcedores pressionamos e botamos a boca no trombone, lamentável.

    ResponderExcluir
  2. O presidente do Mixto, Márcio Pardal, informou no final da manhã de quinta-feira que o clube começa a quitar a folha salarial nesta sexta-feira. Ele disse que "um atraso no repasse do patrocínio" provocou o adiamento na quitação da folha de junho. O salário de julho vence dia 10 - data estupulada pela diretoria para efetuar os pagamentos.

    "Já definimos um cronograma de pagamento e tudo será normalizado", afirmou o dirigente, acrescentando que no dia 30 será efetuado o pagamento do mês de agosto, também por conta do atraso no repasse. Segundo Pardal, as informações já foram passadas ao elenco e à comissão técnica.

    A diretoria só não informou quais os nomes das empresas que atrasaram o repasse. Atualmente o mixto é patrocinado por uma marca de refrigerantes, um banco e uma empresa de fomento mercantil. O valor da arrecadação mensal do clube, segundo informou anteriormente o presidente da Afam, Éder Moraes, é de R$ 150 mil/mês. Só a folha de pagamento consome 90% desse montante e a CBF não fornece nenhuma ajuda de custo aos clubes da Série D. Para viajar para o Acre o clube gastou R$ 50 mil, informou a diretora financeira Robélia Menezes.

    "Estamos enfrentando muitas dificuldades financeiras", disse Menezes, confirmando o pagamento para esta sexta.

    Fonte: Oliveira Júnior/A Gazeta

    ResponderExcluir

Atenção: identifique-se, comentários anônimos serão excluídos!