quinta-feira, 24 de março de 2011

Neto e os técnicos Arildo Berdum e Gaúcho comentam o empate no Dutrinha

0
O Mixto, muito provavelmente, fez seu melhor jogo neste Estadual. Mesmo assim, um grupo de torcedores protestou bastante após o empate sem gols desta quarta-feira. Na saída do gramado, o técnico Arildo Berdun, o presidente Reginaldo Amorim e alguns jogadores foram xingados e vaiados. Reação considerada exagerada em função do rendimento do time. Para Luis Carlos Gaúcho, técnico do Luverdense, não existe motivo para tanta reclamação. “Foi um jogaço, o Mixto jogou muito bem, acho que foi o melhor jogo do campeonato e se o Mixto estivesse desde o início do campeonato com este time, não estaria em situação tão delicada”, afirmou o treinador.

À esquerda o técnico Arildo, à direita Gaúcho
Arildo, por sua vez, também considerou a partida muito disputada e de ótimo nível. “O time deles é muito bom, fizemos o possível, foi um ótimo jogo. O gramado não ajudou”, comentou, acrescentando que “agora é pensar no Sinop, domingo precisamos vencer e vamos classificar”. Finalizou frisando que “é importante enaltecer o esforço dos jogadores, todos eles”.

Laênio, goleiro do Luverdense, e ex-mixtense, disse ter se surpreendido com a qualidade do time adversário. “Realmente, se eles (Mixto) passarem para a próxima fase, serão sem dúvida uma pedra grande no nosso caminho”, disse.

Neto Nepomuceno, gerente de futebol do Mixto, acredita que “se jogarmos domingo com a mesma pegada, com o mesmo empenho, vamos nos classificar, com certeza”.

O Mixto empatou jogando com:
Silva; Carlinhos, Davi Rankan, Kal e Flávio Garcia (Diego Nunes); Jéferson Souza, Sosa, Valderrama (Enzo Bruno) e Jéferson Lima (Juninho); Furlan e Hernandes

Fonte: Craques do Rádio com informações da Rádio CBN Cuiabá (AM 590)
24/03/2011
Author Image
Publicado por: Fábio Ramirez

O MixtoNet é um portal mixtense independente, impulsionado pela torcida. Encontrou algum erro, tem sugestão de matéria? Envie para nós: mixto@mixtonet.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção: identifique-se, comentários anônimos serão excluídos!