domingo, 26 de junho de 2011

OPINIÃO DO TORCEDOR: MIXTO!!! UMBIGO E POLÍTICOS

0
Por Agnaldo da Silva Campos
No ano de 2009, o Mixto EC iria disputar o Campeonato Brasileiro da série C. Naquela época, o Presidente do Tigre era o Vereador Júlio Pinheiro, que estava desgastado, sem apoio de ninguém, abandonado pelos abnegados mixtenses, não lhe restando outra saída, a não ser renunciar à presidência do "Mais Querido".

Esse fato ocorreu a exatamente um ano antes das eleições para presidente, governador, senador, deputado federal e deputados sstaduais.

Antes de adentrarmos no cerne da questão, faz-se necessário entendermos o significado do termo ABNEGADO, de acordo com o dicionário português, é “SACRIFICADO, DESINTERESSADO, DEVOTADO”.

Pois bem. Com a renúncia do Vereador Júlio Pinheiro, os abnegados do Mixto criaram a AFAM (Associação dos Amantes do Futebol e Amigos do Mixto) para atrair investimentos visando montagem de uma equipe com condição de levar o "Mais Querido" à Série B do Campeonato Brasileiro. Assim, uma Comissão de Notáveis em nível estadual se reuniu para poder ajudar o Tigre a alcançar o seu principal objetivo naquele ano.

A AFAM foi formada por personagens ilustres da política estadual, do meio empresarial e do ramo de comunicação, vejamos: Presidente: Éder Moraes (à época Secretário Estadual de Fazenda, hoje Presidente da AGECOPA); Vice-presidente: José Riva (Presidente da Assembléia Legislativa); Tesoureiro: Blairo Maggi (à época Governador do Estado). Ainda atuam como membros efetivos: João Dorileo Leal (Superintendente do Grupo Gazeta de Comunicação), Anildo Lima Barros (Ex-Prefeito de Cuiabá e Empresário da Construção Civil), Silval Barbosa (à época Vice-Governador), Eder Pinheiro e o presidente da equipe à época, Sr. Márcio Pardal.

Em que pese os esforços empreendidos pelos ilustres e respeitaveis cidadãos, infelizmente os objetivos no tocante a ascensão do Mixto EC não foram alcançados, pelo contrário, o "Mais Querido" foi rebaixado à Série D, e, atualmente, está fora das competições a níve nacional. Em contrapartida, os politicos membros da AFAM conseguiram, legitimamente, êxito nas eleições de 2010, a saber: o Dep. José Riva se reelegeu para mais um mandato de Deputado Estadual; o Ex-Governador Blairo Maggi se elegeu Senador da República; o Ex-Vice-Governador, Silval Barbosa assumiu o Governo com a renúncia do Governador Maggi e reelegeu-se Governador do Estado.

Lamentavelmente, hoje, o Mixto EC é o retrato do abandono. O "Mais Querido" está literalmente jogado as traças.

Mas, nem tudo está perdido. Há uma luz no fim do túnel. No próximo ano teremos eleições para Prefeito e Vereadores, e já começam as tratativas politicas visando o pleito de 2012. Assim, os abnegados mixtenses, como sempre, sem nenhum interesse pessoal, certamente, sacrificarão mais uma vez em beneficio do "Mais Querido".

Infelizmente essa é a situação do Mixto EC. Nos últimos anos o "Mais Querido" vive como os cabos eleitorais profissionais a espera das próximas eleições para sobreviver. Nada contra a política e os políticos, mas é preciso implantar no Tigre uma gestão profissional, rompendo o cordão umbilical com a política e os políticos. Estes devem ser colaboradores e não mantenedores do Mixto. Caso contrário, o "Mais Querido" continuará tendo sobrevida a cada dois anos, por ocasião das eleições.

O "Mais Querido" não merece isso. A torcida do Mixto EC é a maior de Mato Grosso, representa quase 50% dos torcedores dos times locais, as demais torcidas divide-se aos outros clubes.

Volto a afirmar. Nada contra a política e os políticos, pelo contrário, mas, espero que, caso os abnegados mixtenses da política criem uma nova associação ou reativem a AFAM, que seja um projeto consistente, duradouro, e não até a próxima eleição.

Fonte: Futebol Press
26/06/2011
Author Image
Publicado por: Fábio Ramirez

O MixtoNet é um portal mixtense independente, impulsionado pela torcida. Encontrou algum erro, tem sugestão de matéria? Envie para nós: mixto@mixtonet.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção: identifique-se, comentários anônimos serão excluídos!