sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Clássico entre União e Mixto coloca frente a frente ex-parceiros: Birigui x Eduardo

0
Ex-parceiros em lados opostos. "Tudo o que sei agora na função de treinador aprendi com o professor Marcos Birigui" afirma Eduardo Henrique. 
O duelo entre União e Mixto válido pela terceira rodada do Mato-grossense colocará frente a frente no próximo domingo o ‘criador’ e a sua ‘cria’. De um lado, o experiente Marcos Birigui. Do outro, o jovem Eduardo Henrique. Até há dois meses atrás, ambos formavam uma dupla de profissionais vencedora no futebol brasileiro, em especial em Mato Grosso. O primeiro na função de treinador e o segundo de preparador físico, função conciliada com a de auxiliar-técnico, o que o fez a ser o ‘braço’ direito do ex-goleiro do Guarani (SP) e Santa Cruz (PE).

Recentemente os dois trabalharam no Mixto durante a disputa da Copa Mato Grosso do ano passado. Mas a saída de Birigui do Alvinegro da Vargas levou para a separação da dupla. Não obtiveram o mesmo sucesso que tiveram em outras equipes mato-grossenses.

Agora em lados opostos, Marcos Birigui e Eduardo Henrique vão se enfrentar pela primeira vez como adversários após formarem uma das duplas mais cobiçadas por clubes mato-grossenses até pouco tempo. Quando trabalhavam juntos, os dois, que se conheceram em 2003 no Paraná, levaram times até então sem saber o que era uma conquista a nível do Estado ao ápice.

Primeiro, a dupla Marcos Birigui/Eduardo Henrique fez sucesso no Vila Aurora, levando o time a conquistar o Matogrossense de 2005. No ano seguinte, em 2006, por pouco os dois não levaram o ‘Tigrão’ da Vila à Série B do Campeonato Brasileiro.

Nesse mesmo ano, agora na cidade de Cáceres, implantaram um projeto de ascensão ao time pantaneiro. E os resultados não demoraram a aparecer. De cara conquistaram a Copa Mato Grosso daquele ano. Embalados, ambos faturaram também o Estadual de 2007 em cima do Grêmio de Jaciara. Fora de Mato Grosso, os dois conquistaram a Taça Minas Gerais pelo Uberaba em 2009.

Ao decidir pela carreira solo de treinador, Eduardo Henrique vive melhor momento no atual Estadual do que seu ‘feitor’. Ao derrotar o Vila Aurora na quarta-feira, o Mixto já ocupa a terceira posição da chave única com três pontos ganhos, enquanto o União de Rondonópolis só soma até agora um ponto na tabela de classificação em seis disputados.

Apesar disso, o atual técnico mixtense não deixa de reconhecer a importância de Marcos Birigui em sua carreira de técnico. “Tudo o que sei agora na função de treinador aprendi com o professor Marcos Birigui. Para mim ainda é o melhor técnico do futebol mato-grossense e está entre os melhores do Brasil. Profissional honesto. Devo muito a ele por estar nesta função”, afirmou Eduardo.

Procurado pela reportagem da A Gazeta para comentar sobre o duelo com seu ex-auxiliar-técnico, Marcos Birigui não foi encontrado. Seu telefone celular chamou por várias vezes, mas o treinador colorado não atendeu.

Fonte: Luiz Esmael/Jornal A Gazeta
27/01/2012
Author Image
Publicado por: Fábio Ramirez

O MixtoNet é um portal mixtense independente, impulsionado por torcedores. Encontrou algum erro, tem sugestão de matéria? Envie para nós: contato@mixtonet.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atenção: identifique-se, comentários anônimos serão excluídos!