2.11.15

DITO RUBENS É ELEITO PRESIDENTE DO CONSELHO DELIBERATIVO. VEJA COMO FOI


Dito Rubens e o Paulo César Gatão
Com a presença de quase 40 pessoas, a Assembleia Geral do Mixto elegeu Dito Rubens presidente do Conselho Deliberativo do clube e também a nova mesa diretora, tanto do conselho deliberativo quanto do fiscal. A nova gestão substitui os conselheiros que renunciaram coletivamente alegando desacordo com a atual diretoria (LEIA AQUI). A primeira missão do novo Conselho Deliberativo deve ser a convocação de eleição para a presidência e diretoria executiva, tendo em vista a renúncia anunciada - mas ainda não oficializada - do presidente Paulo César Gatão.

Dito foi aclamado por unanimidade, depois de retirada da candidatura do Coronel Orestes - nome que tinha questionamento do plenário por não deter pré-requisito para ocupar a presidência.

No discurso de posse, Dito Rubens se lembrou de Nhá Barbina - torcedora símbolo do Mixto falecida no último dia 26 de setembro (LEIA QUI) - e pediu um minuto de silêncio em homenagem. 
Minuto de silêncio em homenagem a Nhá Barbina
Servidor público e advogado, Rubens advogou voluntariamente em defesa do clube na gestão de Júlio Pinheiro, Campeão Estadual 2008. 

- Aceitei o desafio de trabalhar para o Mixto na gestão de Júlio Pinheiro sem cobrar um tostão, nem gasolina. E consegui entre outras coisas o fim do bloqueio de renda da bilheteria que atrapalha muito o Mixto naquela época -, recordou.

Dito atribui a situação que se encontra o clube ao histórico das últimas administrações do Alvinegro. 

- O Mixto hoje está nesse mar de lama, por culpa de todos que passaram por aqui, das diretorias passadas que tinham outros interesses que não era o Mixto.

Sobre a atual gestão afirmou que "Gatão entrou com a cara e a coragem e pegou uma bucha de canhão. Mas, ele não tem condições de arrecadar dinheiro, não por incapacidade, mas por não ter os meios para isso." 

O novo presidente do Conselho Deliberativo se colocou ao lado da torcida mixtense e fez duras críticas a atuação da juíza Patrícia Ceni, do Juizado Especial do Torcedor (JET). 

- A lei tem que atender a maioria, não as vontades pessoais. Temos que ir para cima dessa juíza cobrando o correto, que a lei seja para todos e não para punir um determinado seguimento.

Por fim, concluiu afirmando: "Sou Mixto a cima de tudo".

A Assembleia Geral também deu posse a 12 novos conselheiros, que somados aos três últimos que tomaram posse na última Assembleia, dá uma soma de 16 novos integrantes, renovando parcialmente o conselho.
Nova diretoria do Conselho Fiscal
Nova diretoria do Conselho Deliberativo
Projeto ônibus do Mixto

Na abertura da Assembleia, o diretor Élber Rocha apresentou um projeto de compra de um ônibus seminovo para o clube. O veículo custará R$ 94 mil e será comprado por cotas pagas por conselheiros em 13 parcelas. 

Fonte: Fábio Ramirez / Mixtonet
02/11/2015

0 comentários :

Postar um comentário

Atenção: comentários anônimos não serão aceitos. Identifique-se!