sábado, 10 de julho de 2010

È preciso ter um trabalho profissional com as categorias de base

1

O Mixto tem que ser grande em tudo! No conjunto da obra essa é a direção que o Tigre tem que seguir, grandeza em todos os setores. Pires na mão já não funciona no futebol, hoje tudo é parceria e planejamento, inteligência de gestão e competência.

Todos os anos lá vem Jamil e seus pedidos dramáticos para conseguir seguir viagens e disputar competições. Cadê o cronograma de atividades que a Coordenação deveria ter feito, o Gerson Lopes foi nomeado para quê afinal? Deveria ser para comandar a base em toda sua extensão. Será que a diretoria do Mixto sabe desse trabalho na Alameda, que tem o Nilson no comando com as benções de Jamil e Cia? Quantos garotos tem esse trabalho, será que existe hoje um relatório com despesas, contratos de atletas, autorização de pai ou responsável?

Gente, futebol vai além de um jogo de camisa, calção e meiões. Exemplo foi dias atrás com uma garota do feminino que veio a óbito no CPA, por pouco não sobra uma ação seríssima para o Mixto. Tá na hora do tigre crescer de verdade e vistoriar tudo isso, ou depois entra outros diretores e ficam a vida inteira pagando processos trabalhistas.

Fonte: Futebol Regional
Author Image
Publicado por: Fábio Ramirez

O MixtoNet é um portal mixtense independente, impulsionado por torcedores. Encontrou algum erro, tem sugestão de matéria? Envie para nós: contato@mixtonet.com

Um comentário:

  1. Venho batendo nessa tecla a muito tempo aqui neste canal de comunicação.
    Sou pai e meu garoto tem particiado de campeonatos desde os 4 anos e nesse período tenho observado excelentes garotos, tal como a pedra de um diamente ainda tosco precisando de uma lapidação.Na última copa gazetinha ví alguns dos colegas dele já mostrando sua habilidades no Operário e Mixto.
    Mas a atual diretoria fecha os olhos a essa realidade. Por que? porque são imeadiatistas. Querm colher frutos sem arar, sem cuidar do solo. aí não dá!Conheço alguns gartos daqui de Cuiabá que com 10 anos já estão em fase de testes no São Paulo levados ´por garimpeiros de nossa terrinha.
    Querm a todo custo colocar o Mixto no cenário nacional, será que é realemente por amor ao Mixto ou pr amor ao retorno que isso trará para os mesmo? Reflitamos!

    ResponderExcluir

Atenção: identifique-se, comentários anônimos serão excluídos!