quinta-feira, 7 de outubro de 2010

ARBITRAL DECIDE QUE COPA MT VALE VAGA PARA COPA DO BRASIL. OPERÁRIO FORA

6
A reunião do Conselho Arbitral para a mal fadada Copa Mato Grosso não poderia ter pior resultado. Ameaçada de extinção, simplesmente por não ser um torneio seletivo para competições nacionais, a ‘Copinha’, ou melhor, o presidente da FMF, Carlos Orione, decidiu tirar a vaga do Operário da Copa do Brasil e colocá-la em jogo no torneio patrocinado pelo Governo do Estado. Esta foi a saída encontrada pela FMF para ‘acalmar’ os ânimos dos clubes da Baixada Cuiabana, que não aceitavam a indicação antecipada do União para a Série D 2011.
Reunião na tarde desta quinta na FMF. Foto: Futebol Press
Em vez de resolver o impasse, Orione criou outro e por pouco a reunião desta tarde não terminou em vias de fato. O próprio dirigente havia anunciado, ao final do Campeonato Mato-grossense deste ano que o vice-campeão Operário seria o “segundo representante” de Mato Grosso na Copa do Brasil.

O que você fez hoje foi a maior palhaçada do mundo, a maior trairagem do mundo”, disse Éder Taques, acusando Helmute Lawisch (presidente do Luverdense) e Altair Cavaglieri (do Sinop) de terem “tramado” para a exclusão do Chicote.

Para Taques, agora diretor e sócio do clube empresa Operário Futebol clube Ltda, a exclusão do Operário é um crime, um “caso de polícia”.

Nunca vi isso na minha vida. Conquistamos a vaga em campo, fomos vice-campeões estaduais, e agora fomos vítimas dessa falcatrua, isso é uma vergonha, não é papel de um Estado que vai receber uma Copa do Mundo”, disparou Taques, para quem “a solução da reversão da medida, outra ‘canetada’ de Orione, está nas mãos do deputado federal Júlio Campos e do senador Jaime Campos, expoentes da política várzea-grandense”.

Como protesto, o Tricolor decidiu não disputar a competição. Ao tomar conhecimento da ‘estratégia’ da FMF, Éder Taques socou a mesa e retirou-se da reunião.

Ânimos exaltados a parte, a abertura da copinha foi definida para o dia 23 deste mês com Sinop x Luverdense, no Estádio Massami Uriú, em Sinop.

Eder Taques discute com Helmute durante a polêmica reunião
Foto: Otmar Oliveira
No total, oito clubes vão disputar a competição, divididos em duas chave de 4 cada. Na Chave Sul ficaram Mixto, Vila Aurora, Rec e Primavera. Na Chave Norte, Sinop, Luverdense, Cuiabá e Serra, de Tangará, que entrou na vaga do Operário.

Não disputarão a Copinha as equipes de Sorriso, Araguaia, Barra do Garças, Crac de Campo Verde, União e Operário.

Na reunião desta quinta-feira a Federação Mato-grossense de Futebol e a Secretaria de Esportes do Estado anunciaram que cada clube receberá uma ‘ajuda’ de R$ 50 mil. Além disso, a Seel bancará as despesas com arbitragem e vai tentar viabilizar também o custeio do transporte.

Fonte: Oliveira Jr./Craques do Rádio
07/10/2010
Author Image
Publicado por: Fábio Ramirez

O MixtoNet é um portal mixtense independente, impulsionado pela torcida. Encontrou algum erro, tem sugestão de matéria? Envie para nós: mixto@mixtonet.com

6 comentários:

  1. Agora o orione sacaneou o operario, sempre o campeonato matogrossense vale vaga para a copa do brasil e a copinha vaga pra SERIE D - sacanagem com os clubes da baixada - os time do norte comandado pela soja tão ganhando vaga pelo dinheiro VERGONHAAAA

    ResponderExcluir
  2. TODOS SABEM DA MINHA PAIXÃO PELO MIXTO, MAS ESTOU SOLIDARIO AO OPERARARIO. MAIS UMA GRANDE PALHAÇADA DESSA FMF..SE FOSSE SERIO O NOSSO FUTEBOL VALERIA INTERVENÇÃO..SE FOSSE PRESIDENTE DO MIXTO EM RESPEITO A DIGNIDADE DO NOSSO FUTEBOL, ACOMPANHARIA O OPERARIO E NÃO DISPUTARIA A COMPETIÇÃO. TA NA HORA DAS DUAS MAIORES EQUIPES DO NOSSO FUTEBOL TRABALHAREM JUNTAS NOS BASTIDORES...

    ResponderExcluir
  3. ARRANJO: FMF DEFINE A COPINHA E OPERÁRIO FICA DE FORA DA COPA DO BRASIL

    A Copa Mato Grosso começa dia 23, com o jogo Sinop x Luverdense, no GIgante do Norte. Como estava previsto, a reunião do Conselho Técnico da Fedração Matogrossense de Futebol (FMF), criou muita confusão. Tudo porque o presidente Carlos Orione resolveu tirar a vaga da Copa do Brasil do Operário, e coloca-la em disputa na Copa Mato Grosso.

    A medida tomada por Orione, está respaldada no regulamento das competições da CBF. Ou seja; é legal. Porém, no aspecto ético é imoral. Tanto que o dirigente do Operário, Eder Taques, se rebelou, não aceitou a decisão da FMF e abandonou a reunião. "Se quiserem disputar a vaga para a Copa do Brasil, será uma outra vaga, pois esta já é nossa", disse Eder, esbravejando contra Orione e Helmute Lawisch, presidente do Luverdense, que teria participado da decisão de Orione.

    Imediatamente, sem a presença do Operário, Orione conduziu o desportista Zé Carlos, do Serra de Tangará, que assim ocupou a vaga do tricolor. Outro "estranho no ninho", mas que também ganhou uma vaga, é o Primavera que entrou no lugar do desistente Crac, de Campo Verde. Num sorteio feito na hora, o Mixto caiu na chave Sul, ao lado dos times de Rondonópolis. O campeonato terá duas chaves de quatro, jogando em dois turnos dentro de cada chave.

    Os times são: Sinop, Luverdense, Serra de Tangará e Cuiabá pela chave Norte. Pela chave Sul, estão Mixto, Vila Aurora, Primavera e Rec de Rondonópolis.

    União, Araguaia, Barra do Garças, Sorriso e Crac, ficaram de fora, oUnião porque a competição não lhe interessa, já que está na Série D e na Copa do Brasil em 2011. Os demais times não têm consições econômicas de participar do campeonato.


    Abertura em Sinop

    Combinado também na hora da reunião, ficou decidido que a abertura será dia 23/10 no Estádio Gigante do Norte, entre Sinop e Luverdense. A tabela será divulgada na segunda-feira, mas ainda pode ter a inclusão do Operário. Por isso, a formação dos grupos seria modificada e seriam 3 grupos de 3 equipes, conforme Futebolpress antecipou. Paralelamente, acontecerá o campeonato de sub-17.

    Fonte: Orlando Antunes/Futebol Press

    ResponderExcluir
  4. Zezinho do Araés08 outubro, 2010 12:37

    Estou com voce Dezinho. Deveria ter intervenção na FMF; o Mixto apoiar o Operário; a AFAM dizer de onde vem e para onde vai o dinheiro que arrecada em nome do Tigre; o governo dizer onde estão os 44 milhões;o prefeito mandar água para a população e explicar como desempacará o PAC e etc... Falta seriedade em tudo, porque só a FMF deveria se moralizar?

    ResponderExcluir
  5. Pardal, me faça passar esta vergonha. Sou mixtense, mas aceitar que tirem o Operário da Copa do Brasil é aceitar mais uma sacanagem desse interiorano nazista do Orione contra o futebol de Cuiabá. Orione é o resquício mais ridículo do coronelismo em Mato Grosso. Mais ridículo é a população cuiabana deixar um incompetente desse passar por cima do futebol local.

    ResponderExcluir
  6. Tomara que a comissão da fifa descarta cuiaba de sediar a copa,,tipo assim surja alguma punição, para poder comabater essas atitudes que para mim nem as julgo como infantis, mas seim prominscuas onde ja se viu ta na hora do mixto embarcar nessa do operario , o que serve copa do brasil para nós nada,,simplismente estão tapando o sol com a peneira, e o operario é justo ele ser prejudicado , claro que não,,mas pelo que vejo a defesa esta toda voltada ao união,,deve ser aposentadoria adiantada,,infelismente estou ficando inojado com essa federaçao e nosso futebolzinho de quinta categoria,,me desculpe a franqueza,,mas adoro mato grosso e todos os que tenho amizade e a população em geral , gente boa hospitaleira,,mas daqui para frente vou fazer como muitos mesmo, vou curtir o futebol em casa,,chega é muita palhaçada um verdadeiro circo,,onde os paçhaços somos nós,,tem mais é que boicotar tudo que for ligado a federação, não ir nos jogos e tentar levar ao noticiario nacional o seguinte.Mato grosso vai sediar jogos da copa e não tem um time na divisão de elite, não tem um campeonato sequer,,pois sem o torcedor nos estadios assim pela federação chamados , pq na verdade mas parece um mini estadio,,o torcedor não comparece devido a falta de comprometimento da federação para com o futebol,,o que deixaram os torcedores aborrecidos, ou seja sem o torcedor o futebol para se por ae,,e o sr orione levantara o novo esporte em mato grosso, talvez peteca/// pega-pega /// pião /// truco espanhol,,etc pq futebol com essa gestão ae ja era,,,SE EU FOSSE PRESIDENTE DO MIXTO TB NÃO PARTICIPARIA DESSA PORRA DE COPINHA,,enfia no cu do orione,,abraço a todos

    ResponderExcluir

Atenção: identifique-se, comentários anônimos serão excluídos!