sexta-feira, 21 de outubro de 2011

MIXTO EMPATA COM O OPERÁRIO E ESTÁ NA SEMIFINAL DA COPA MATO GROSSO

2
Mixto e Operário ‘cozinham o Dourado’ e estão na semifinal
Lance do clássico disputado no Dutrinha (Foto: Gilmar Ramos/Futebol Press)
Na maior parte do jogo, as duas equipes mostram vontade de vencer, procuraram atacar. Mas como o empate era bom para ambos, os últimos 15 minutos foram jogados ‘com o regulamento’. Mixto e Operário ficaram no 0 x 0 na noite desta quinta-feira no Dutra, estão classificados e o Cuiabá eliminado.

Na semifinal o Operário enfrentará o União e o Mixto jogará contra o Luverdense. Os jogos devem ser disputados a partir da próxima quarta-feira.

Primeiro tempo
O clássico começou com bom ritmo, contrariando a expectativa de que os rivais fariam o chamado ‘jogo de compadres’ em função de que um empate classificava ambos, eliminando o Cuiabá B. E logo aos 2 minutos o Operário fez 1 x 0, mas a arbitragem anulou anotando impedimento.

Aos poucos o Mixto foi dominando a partida. Teve controle de bola e ditou o ritmo, mas só foi finalizar pela primeira vez aos 38 minutos. Insuficiente para abrir o placar.

Segundo tempo
No segundo tempo o Operário começou melhor, chegando com maior frequência ao gol mixtense, porém, assim como aconteceu no primeiro tempo, chances reais de gol eram raras.

E foi o Mixto que assustou primeiro: aos 30 minutos Kal cobrou falta com a bola passando próximo ao gol de Branco.

A partir dos 35 minutos o ritmo da partida caiu muito, com os dois times mais preocupados em não se arriscar, já que o empate colocava ambos na semifinal. Das arquibancadas, vinham as primeiras vaias.

No microfone da Rádio CBN Cuiabá (AM 590), o repórter Oliveira Júnior soltou a frase que virou manchete desta matéria: “estão cozinhando o Dourado”, em referência ao empate que eliminava o Cuiabá.

Mas o zagueiro Lugano, do Operário, quase estragou os planos de muita gente. Aos 40 minutos atacou com perigo e chutou na rede, pelo lado de fora. Jogo sem gols, festa dos dois lados, com 562 pagantes no Dutra – menos do que no clássico do 1º turno.

Ficha Técnica
- Operário Futebol Clube 0 X 0 Mixto Esporte Clube
- 6ª rodada - returno da Copa Mato Grosso
- Local: Estádio Municipal Eurico Gaspar Dutra (Dutrinha)
- Horas: 20h10min.
- Público pagante: 562 pessoas
- Os times:
Mixto – Héverton Perereca; Negretti (Danilo), Evandro, Kal e Jeanzinho; Anderson, Rômulo (Guilherme), Davi e Jackson; Dionei (Oneir) e Edinho.
Operário – Branco; Marlon, Lugano, Jefinho, Alan e Laércio; Wilson, Lê, Henry (Wanderson) e Eder Belém (Marcelo); e Neto (Wanderson).

Fonte: Craques do Rádio - Rádio CBN Cuiabá (AM 590)
21/10/2011
Author Image
Publicado por: Fábio Ramirez

O MixtoNet é um portal mixtense independente, impulsionado pela torcida. Encontrou algum erro, tem sugestão de matéria? Envie para nós: mixto@mixtonet.com

2 comentários:

  1. COPA MT 2011:OPERÁRIO E MIXTO EMPATAM E AVANÇAS ÀS SEMIFINAIS

    CHICOTE DA FRONTEIRA ENFRENTA O UNIÃO, ENQUANTO O TIGRE PEGA O LUVERDENSE EM DUELOS QUE VALEM VAGA NA FINAL DA COPA MATO GROSSO‏

    Operário e Mixto entraram em campo sabendo que o empate classificava as duas equipes para às semifinais da Copa Mato Grosso. E o placar de 0 a 0 permaneceu do começo ao fim do jogo, realizado na noite desta quinta-feira, no estádio Dutrinha. Apesar da importância do jogo, apenas 562 torcedores pagaram ingresso para acompanhar o clássico mais tradicional do futebol mato-grossense.

    Agora, o Operário enfrenta o União, enquanto o Tigre pega o Luverdense nas semifinais do torneio que garante vaga na Copa do Brasil 2012 ao campeão. As datas e horários dos duelos devem ser definidos hoje pela FMF (Federação Matogrossense de Futebol).

    Os times bem que tentaram chegar ao gols, tanto que logo aos dois minutos o Chicote da Fronteira chegou a abrir o placar, mas a arbitragem anulou o tento, alegando impedimento.

    Após isso o jogo ficou morno, tendo o Tigre uma leve vantagem.

    Na segunda etapa, o time de Várzea Grande começou melhor, mas nenhuma grande chance foi criada. Para não se arriscarem muito, as equipes valorizavam a posse de bola, deixando o tempo passar. Era nítido que o resultado, obviamente, agradava a todos.

    Fim de jogo e festa para os dois lados. O resultado eliminou o Cuiabá, que perdeu de forma surpreendente para o Palmeiras, por 3 a 2, na quarta-feira.

    Mixto - Perereca; Negretti (Danilo), Evandro, Kal e Jeanzinho; Anderson, Rômulo (Guilherme), Davi e Jackson; Edinho e Dioney(Oneir). Técnico – Marcos Birigui

    Operário - Branco, Marlon, Lugano, Allan, Jefferson e Laércio; Wilson, Lê e Henri (Wanderson); Eder Belem (Marcelo Galdino) e Neto (Thiago Moraes). Técnico- Murilo Costa

    Fonte: Robson Boamorte/Futebol MT

    ResponderExcluir
  2. COPA MT: EM "JOGO COMBINADO", MIXTO E OPERÁRIO EMPATAM E TIRAM CUIABÁ

    Mixto e Operário já entraram em campo, sabendo que um empate classificava os dois para as semifinais da Copa Mato Grosso.

    Então, procuraram fazer oque interessava. Ou seja: não se arriscar e tocar a bola sem oferecer perigo para o adversário, embora algumas bolas tenham raspado a trave.

    A marmelada deu certo: tanto que conseguiram e o placar foi de 0 a 0. Com isso, o Cuiabá ficou de fora, o Operário ficou em primeiro e o Mixto entrou pelo critério técnico.

    Agora, o Mixto pega o Luverdense e decide fora de casa, enquanto que o Operario pega o União, mas decide em casa a vaga para as finais

    Ficha Técnica
    - Local Estadio Municipal Presidente Dutra
    - Horário- 20h00
    - Árbitro Alinor Paixão
    - Mixto: Pererca, Negrete (Danilo), Cal, Evandro, Anderson e Jeanzinho; Rômulo (Guilherme), David e Jackson; Dioney e Edinho (Oneir), Técnico Marcos Birigui

    - Operário: Branco, Marlon, Lugano, Allan, Jefferson e Laércio; Wilson, Lê e Henri (Wanderson); Eder Belem (Marcelo Galdino) e Neto (Thiago Moraes). Técnico- Murilo Costa

    Fonte: Orlando Antunes/Futebol Press

    ResponderExcluir

Atenção: identifique-se, comentários anônimos serão excluídos!